Pesquisar este blog

quarta-feira, 31 de julho de 2013

ÚLTIMA SEMANA: Programa de anistia de impostos e taxas municipais em Teresópolis termina 7 de agosto

Programa de anistia de impostos e taxas municipais
ÚLTIMA SEMANA:Programa de anistia de impostos e taxas municipais termina 7 de agosto

Teresópolis, 31 de julho de 2013 – Termina no dia 7 de agosto o Programa de Anistia de Créditos Tributários, iniciativa da Prefeitura para a recuperação dos valores relativos a impostos e taxas municipais em atraso, inscritos ou não em dívida ativa.

De acordo com o Secretário Municipal de Fazenda, Geraldo Carvalho, os contribuintes devem ficar atentos ao prazo e aproveitar a oportunidade para regularizar a sua situação, já que a previsão é de que a Prefeitura não realize nova anistia pelos próximos dois anos.

O programa oferece anistia de 100% de juros e multa para pagamento à vista dos impostos e taxas em atraso até 31 de dezembro de 2012. Os valores também podem ser parcelados da seguinte forma: em até sete vezes, com redução de 90% de juros e multa; em até 16 parcelas, com redução de 80% de juros e multa; e em 24 parcelas, com redução de 70% de juros e multa.

Segundo a Secretaria Municipal de Fazenda, existe um total de R$ 33 milhões em impostos e taxas municipais inscritos na Dívida Ativa do Município. São débitos antigos que ainda não foram negociados e que serão encaminhados para cobrança judicial.

Os contribuintes interessados em se beneficiar da anistia devem procurar o balcão da Secretaria Municipal de Fazenda para aderir ao programa. Para tanto, devem apresentar documento de identidade e CPF. O atendimento acontece de segunda a sexta, das 9h às 18h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone(21) 2742-8497 e também pelo e-mail dividaativa@teresopolis.rj.gov.br. A Secretaria de Fazenda fica instalada no 1º piso da Prefeitura (Avenida Feliciano Sodré, 675 – Várzea).

Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Teresópolis se prepara para o Festival da Cultura Popular- Sandra de Sá e a dupla Bento e Mariano, já estão confirmados para o evento

Sandra de Sá em Teresópolis foto:divulgação
Secretaria de Cultura promove Festival da Cultura Popular em agosto

Teresópolis, 30 de julho de 2013 - Entre os dias 21 e 27 de agosto, uma grande festa vai movimentar Teresópolis. É o Festival da Cultura Popular, evento promovido pela Prefeitura, através da Secretaria de Cultura, em parceria com a concessionária de energia Ampla. Serão sete de dias de festa, com atividades diversas realizadas no entorno da Casa de Cultura Adolpho Bloch, incluindo shows, teatro, apresentações folclóricas e um grande 'arraiá'.


Com entrada gratuita, o Festival vai aliar dois eventos de grande porte: o Festival de Cultura Popular e a segunda edição do Consciência Ampla Cultural, que agora é realizado em novo formato, voltado para os alunos da rede municipal de ensino. Entre as atrações estão previstos espetáculos teatrais, shows e bate-papo com artistas consagrados, trazidos a Teresópolis pela Ampla, tendo como tema “O Brasil que os brasileiros não conhecem”. Em contrapartida, a Secretaria de Cultura ampliará o evento, transformando a Casa de Cultura em um verdadeiro arraiá. A comercialização de quitutes e comidas típicas, shows de cultura popular e até mesmo um casamento na roça estão na programação.

Para sinalizar o evento, uma mega decoração está sendo confeccionada pela Secretaria de Cultura, com cenário imitando uma cidade de interior em escala próxima à real, dando todo o clima de festa 'agostina'. Pórtico de entrada, enfeites, cerca e bandeirinhas integram a decoração. A área de shows ficará localizada no anfiteatro da Casa de Cultura, possibilitando fácil acesso e visualização do público. Ao lado da casa, será montada a praça de alimentação. Artistas de renome, como Sandra de Sá e a dupla Bento e Mariano, já estão confirmados para o evento.

“Desde janeiro, estamos em contato com a produtora Biruta visando a realização da segunda edição do Consciência Ampla Cultural em Teresópolis. A primeira, em 2010, foi um sucesso e desta vez não será diferente. Ao contrário. Como o evento será em agosto, mês da cultura popular, programamos um grande festival, que vai reunir em um único espaço diferentes manifestações artísticas. Tudo está sendo preparado com muito carinho”, anuncia o Secretário de Cultura, Wanderley Peres.
 dupla Bento e Mariano em Teresópolis foto:divulgação
Texto: Georgia Jahara
Fotos:divulgação
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Maiores informações: Terê Total o site cultural de Teresópolis

Copa Gospel em Teresópolis: Metodista Central e Casa de Louvor na grande final

METODISTA CENTRAL DE TERESÓPOLIS
Copa Gospel: Metodista Central e Casa de Louvor na grande final Colheita e Filadélfia disputam terceiro lugar

Teresópolis, 30 de julho de 2013 – Na  sexta-feira, 2 de agosto, será conhecido o grande campeão da Copa Serra Gospel de Futsal 2013. A partir das 21h, no Ginásio Poliesportivo Pedro Jahara, o Pedrão, as igrejas Metodista Central e Casa de Louvor se enfrentam para a emocionante final da competição. Mas antes, às 20h, também no Pedrão, acontece a decisão do terceiro lugar entre Ministério Colheita e Filadélfia.

Os finalistas ficaram conhecidos depois da acirrada disputa nos jogos semifinais. Na noite desta segunda-feira, 29, a Casa de Louvor enfrentou o Ministério Colheita. Jogando com o apoio da torcida, a Colheita não soube aproveitar a força de fora da quadra e perdeu a partida por 6 a 4. Com a classificação, a Casa de Louvor só precisou assistir ao segundo jogo da noite para saber seu adversário na final.

Na partida entre Filadélfia e Metodista Central a placar final foi mais apertado. Num jogo bastante disputado, a Metodista venceu a partida por 4 a 3 e garantiu a sua vaga na grande final contra a Casa de Louvor.
Equipe FILADELFIA

O Pedrão recebe os jogos que definiram o primeiro, o segundo e o terceiro lugar da competição. A partir das 20h, com entrada franca, os portões já estarão abertos para os torcedores das igrejas finalistas. O primeiro jogo, entre Colheita e Filadélfia, decidirá o terceiro lugar do torneio, logo em seguida acontece o jogo principal, entre Metodista Central e Casa de Louvor, onde será conhecido o grande campeão da Copa Serra Gospel de Futsal 2013.
CASA DE LOUVOR
COLHEITA

Texto: Heliny Quintanilha
Foto: Divulgação
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

terça-feira, 30 de julho de 2013

Festival Sesc Rio de Inverno atrai cerca de 40 mil pessoas em Teresópolis

Lenine no Festival de Inverno de Teresópolis
Festival Sesc Rio de Inverno atrai cerca de 40 mil pessoas em Teresópolis

A preços reduzidos ou de graça, população da cidade teve acesso a aclamados espetáculos de música, dança e teatro, entre uma série de atividades culturais

Com os termômetros da cidade marcando temperaturas que fizeram jus ao nome, o Festival Sesc Rio de Inverno chegou ao fim no último domingo, dia 28/7, em Teresópolis. Quem fechou o evento foi os Paralamas do Sucesso, em show emocionante assistido por cerca de 10 mil pessoas, que tomaram a Praça Olímpica. Somando quem participou das demais atividades culturais promovidas pelo Sesc Teresópolis desde 13/7, o público totalizou cerca de 40 mil pessoas.

Além dos Paralamas, passaram pelo palco montado na praça Zé Ramalho, Titãs e Diogo Nogueira, que juntos sacudiram um público de quase 30 mil somente nos quatro últimos dias do Festival. As demais atividades e atrações que envolveram música, teatro, dança, artes visuais, cinema, literatura, além de debates, oficinas e palestras, atraíram mais de 8 mil pessoas. Para o gerente do Sesc Rio, Eugênio Nascimento, o evento foi um sucesso, tanto em aspectos quantitativos como qualitativos:

- O Festival Sesc Rio de Inverno superou as expectativas, atraindo um grande público em todas as suas atividades. Essas pessoas são privilegiadas, pois a preços reduzidos ou de graça tiveram contato com espetáculos musicais e teatrais consagrados, além de terem exercitado seu lado artístico em oficinas realizadas por profissionais de notado talento.

Neste mês de julho, a quadra esportiva do Sesc ganhou um palco onde também se apresentaram nomes de peso no cenário musical brasileiro: Lenine, Erasmo Carlos e Roberta Sá. O local também recebeu espetáculos que foram sucesso de público e crítica, como o musical “Gonzagão – A lenda”, que conta sobre a vida do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, e divertidas peças infantis, que encantaram crianças, adultos e idosos, como “Sambinha”, um musical que conta através de sambas tradicionais o cotidiano de duas famílias – uma do subúrbio e outra da Zona Sul do Rio de Janeiro.

Já pelo Teatro do Sesc Teresópolis passaram vários talentos da dramaturgia brasileira. Domingos Montagner e sua companhia de teatro La Mínima apresentaram o espetáculo “Mistero Buffo”. Maria Clara Gueiros interpretou a ex-bailarina Paula Menezes em “A garota do adeus”. O vencedor do Prêmio Shell de Melhor Ator, Charles Fricks, encenou “O filho eterno”, adaptação do aclamado livro homônimo de Cristovão Tezza. Aos 77 anos, Emiliano Queiroz esteve à frente do monólogo “Na sobremesa da vida”. Um grande elenco, que incluiu Ricardo Blat e Thelmo Fernandes, conduziu “A arte da comédia”. E a peça “A revista do ano – O olimpo carioca”, da dramaturga Tânia Brandão, trouxe à cidade um elenco de 15 atores e sete músicos, que no palco promoveram uma grande festa teatral em homenagem ao Rio de Janeiro contemporâneo, exaltando os episódios mais marcantes de 2011 e 2012.

Dois espetáculos de dança integraram a programação: “Água de beber”, em que seis atores-músicos-capoeiristas encenaram, com música e jogo de capoeira, pequenas histórias, inspiradas no livro “Santugri: contos de mandinga e capoeiragem”, de Muniz Sodré; e “OGNAT”, uma leitura antropofágica do tango em tributo ao ícone desse gênero musical, Astor Piazzola.
Espetáculo de Dança Água de Beber crédito:Alvaro Bacim
LITERATURA E TALENTOS LOCAIS – Uma série de atividades do Festival Sesc Rio de Inverno atraíram o público ao Palacete Granado, o belo casarão construído no início do século passado e onde viveu o fundador da tradicional drogaria que leva seu sobrenome. Talentos da música local, entre eles Toni Rezende, Fátima Gaspar, Mani Carneiro e Grupo Tangará, fizeram a trilha sonora de encontros no café Doce e Roça, localizado no subsolo do casarão. Na biblioteca do Sesc, no pavimento principal, estudiosos e escritores discutiram sobre os rumos da literatura diante dos desafios contemporâneos, como Eduardo Spohr, Bráulio Tavares, Cora Rónai, Luciana Hidalgo e Heloisa Buarque de Hollanda.

Acrescentando as sessões de cinema na biblioteca e ao ar livre, as oficinas artísticas e as perfomances de teatro de rua foram realizadas mais de 50 atividades na cidade durante o Festival, o que reafirma o compromisso do Sesc Teresópolis de levar cultura, lazer e entretenimento à comunidade local.

Fotos:divulgação/Álvaro Bacim
Fonte:Assessoria de Imprensa Sesc Rio

Cobertura Terê Total

Vans escolares são vistoriadas pela Prefeitura de Teresópolis nestas quinta e sexta

Teresópolis RJ
Vans escolares são vistoriadas pela Prefeitura nestas quinta e sexta


Teresópolis, 29 de julho de 2013 – A equipe da Coordenadoria de Engenharia de Tráfego da Secretaria Municipal de Segurança Pública realiza nestas quinta, 1º, e sexta, 2 de agosto, a vistoria semestral das vans dos permissionários que prestam o serviço de transporte escolar no município. O objetivo é garantir a segurança dos estudantes e cumprir as regras previstas na Lei Municipal 2.491/2006, que regulamenta o serviço em Teresópolis.

A verificação será realizada na Praça Higino da Silveira, a da Feirinha de Teresópolis, no Alto, de 9h às 11h. Deverão ser apresentados os seguintes documentos (originais e cópias): Carteira Nacional de Habilitação (piloto e concessionário), documento do veículo vistoriado – 2013, certidão negativa, comprovante de liberação do mecânico responsável pela manutenção da van, seguro APP (Acidentes Pessoais a Passageiros) e comprovante de residência atual (piloto e concessionário).

Durante a vistoria, serão checados faixa escolar, pneus, pneu estepe, cinto de segurança correspondente ao número de passageiros, extintor de incêndio, faróis, luz de freios, espelhos, retrovisores, buzina e portas (abertura e fechamento), entre outros itens.

Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Abertura da Semana da Amamentação em Teresópolis

Teresópolis RJ
Programação no Centro Materno Infantil abre a Semana Mundial da Amamentação em Teresópolis

Teresópolis, 26 de julho de 2013 – Acontece nesta sexta-feira, dia 2 de agosto, a abertura oficial da Semana Mundial da Amamentação (SMAM) 2013 em Teresópolis, com palestra e acolhimento de gestantes e nutrizes às 9h, no Centro Materno Infantil (Av. Lúcio Meira, 1130 – Várzea).

Com o tema local “O sucesso da amamentação depende de habilidades que apoiem a mulher durante este processo”, a SMAM será realizada de 1 a 7 de agosto, com o objetivo de conscientizar a sociedade sobre a importância da existência de grupos de apoio às mães, para que elas iniciem e mantenham essa prática que garante a saúde delas e de seus bebês.

Palestras, exposição de fotografias, exibição de vídeos e dinâmicas de grupo são ações que acontecerão nas unidades de saúde do município até o dia 9 de agosto. Para marcar a campanha, neste sábado, dia 3 de agosto, a Secretaria Municipal de Saúde realizará uma Caminhada de Promoção do Aleitamento Materno. Aberto à participação da sociedade, o evento terá início às 14h, com concentração na Praça Balthasar da Silveira, a da Matriz de Santa Teresa, na Várzea.

Durante a campanha, a coordenação de programas da Secretaria de Saúde visitará as unidades que estiverem realizando atividades de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno. O encerramento da SMAM 2013 no município está marcado para o dia 6 de agosto, às 9h, no Centro Materno Infantil.

A programação ainda está sendo definida, mas alguns postos já fecharam suas atividades.

UNIDADE
DATA
HORÁRIO
ATIVIDADE
Fonte Santa
Quinta, 01/08
Manhã e tarde
Mesa redonda sobre o tema com gestantes e puérperas
Araras
Quinta, 01/08

Sexta, 02/08
Manhã e tarde

Manhã e tarde
Palestra, exibição de vídeo, dinâmica, lanche e distribuição de brindes para as nutrizes

Palestra, exibição de vídeo, dinâmica, lanche e distribuição de brindes para as gestantes
Perpétuo
Quinta, 01/08

Sexta, 02/08
15 horas

8 às 17 horas
Palestra e bate papo informal

Exposição de fotos até o dia 07/08
Beira Linha
Quinta, 01/08

Dia 06/08
14 horas

9 horas
Palestra: Habilidades e técnicas corretas da amamentação

Palestra: A importância da amamentação para o bebê e para a mãe
Granja Florestal
Dia 07/08
10 horas
Dinâmica e orientações sobre o tema com as gestantes e café nutritivo
Barra do Imbuí
Dia 09/08
9 horas
Café Cultural com o tema: Fortalecimento de laços

Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

sábado, 27 de julho de 2013

Posto Avançado do Corpo de Bombeiros em Bonsucesso- Teresópolis está em fase de acabamento

Posto Avançado do Corpo de Bombeiros em Bonsucesso está em fase de acabamento-Unidade vai beneficiar mais de 15 mil moradores da região

Teresópolis, 26 de julho de 2013 - Através da articulação do prefeito Arlei com o Governo do Estado, os moradores de Bonsucesso, no 3º Distrito, já podem começar a comemorar a aquisição do mais novo serviço público da localidade: a instalação de um Posto Avançado do Corpo de Bombeiros. 

Desejo antigo da população, a base está praticamente pronta, restando apenas a finalização de alguns detalhes para ser entregue à população, como pintura, projeto paisagístico e equipamentos de trabalho.

Localizada em terreno da Prefeitura e com recursos municipais, a construção segue o padrão do Corpo de Bombeiros do Estado, que apresentou o projeto em meados do ano passado. 

Com dois pavimentos, o prédio possui refeitório, cozinha com despensa, banheiro e quatro ambientes no primeiro andar, para o atendimento ao público. O segundo piso será utilizado como alojamento para os militares, com dois dormitórios, banheiro coletivo e uma suíte.
 
Teresópolis possui apenas um Grupamento do Corpo de Bombeiros, no bairro de Pimenteiras, área urbana do município, e para chegar às localidades do interior, o socorro leva, em média, aproximadamente 40 minutos. O destacamento de Bonsucesso levará atendimento mais rápido aos cerca de 15 mil moradores da região. 

“Sinto orgulho de estar como prefeito de Teresópolis e conseguir trazer o Posto do Corpo de Bombeiros para o 3º Distrito. Isso era esperado pelos moradores há mais de 20 anos. A obra vai beneficiar não só os moradores da região, mas também vai atender toda a extensão da estrada RJ-130”, ressaltou Arlei. 

O prefeito ainda disse que espera inaugurar o novo Posto Avançado do Corpo de Bombeiros em Teresópolis nos próximos 40 dias.

Texto – Gisele Barreto
Fotos – Marco Esteves
Fonte-Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Seleções de base continuam treinando em Teresópolis

Teresópolis RJ
Seleções de base continuam treinando em Teresópolis
Seleção feminina sub-20 se apresenta no próximo dia 3 na Granja Comary

Teresópolis, 26 de julho de 2013 – Após receber a Seleção masculina sub-17 na cidade, para um período de treinos durante as últimas semanas na Granja Comary, sob o comando do técnico Alexandre Gallo e do preparador físico Maurício Cupertino, o centro de treinamento da Confederação Brasileira de Futebol em Teresópolis irá receber agora a Seleção de futebol feminino sub-20, na próxima semana. O local continua em obras para receber a Seleção Brasileira principal durante a Copa do Mundo 2014.

Alexandre Gallo, coordenador das categorias de base da seleção brasileira de futebol, confirmou que a preparação da base também está sendo feita desde já em Teresópolis, e continuará ao longo dos próximos anos, até a data dos Jogos Olímpicos. Gallo já foi escolhido pelo presidente da CBF, José Maria Marin, como treinador da Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

Escolhida também pela dupla Felipão/Parreira para sede da seleção brasileira principal durante os preparativos para a Copa do Mundo, e também durante todo o evento, a Granja Comary vai receber agora a Seleção de Futebol Feminino sub-20.

O técnico da Seleção Feminina Sub-20, Adilson Santos, convocou 26 jogadoras para mais uma etapa de treinamento. A apresentação da seleção acontece no dia 3 de agosto, quando as atletas selecionadas começarão os treinamentos para o Campeonato Sul-Americano de Futebol Feminino sub-20.

Confira a lista das convocadas que se apresentarão em Teresópolis na próxima semana:

Goleiras
Letícia Bussatto - São José
Letícia da Silva - Kindermann
Yasmin Cristina - Vasco

Zagueiras
Nagela - Ferroviária
Rayanne - Botafogo
Ermelinda - Portuguesa
Daiana - CBF
Brenda - Iranduba

Laterais
Amanda - Centro Olímpico
Isabela - Ferroviária
Yasmin Assis - CBF
Letícia Albuquerque - XV de Piracicaba

Meias
Camila - São José
Djenifer Becker - Kindermann
Rosângela - Ferroviária
Patrícia Derrico - São José
Scarlett - São Caetano
Andressa Marchy - Kindermann
Caroline - CBF

Atacantes
Byanca Araújo - Botafogo
Carol Baiana - Vitória de Santo Antão
Patrícia Sochor - Kindermann
Maria Eduarda - Recife
Dioneide - Ferroviária
Gabrielle - Kindermann
Érica - Taubaté

Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Começa em Teresópolis a reforma do Centro Administrativo Celso Dalmaso

Começa a reforma do Centro Administrativo Celso Dalmaso

Obra tem prazo de 180 dias para ser concluída

Teresópolis, 25 de julho de 2013 - Após a demolição do prédio anexo, a Prefeitura de Teresópolis deu início às obras de reforma do bloco principal do Centro Administrativo Celso Dalmaso, localizado ao lado da Câmara Municipal, na Várzea. Cerca de 30% da estrutura comprometida foi ao chão e, agora, dez funcionários da empresa Enge Prat, contratada através de licitação, trabalham na reestruturação física da nova construção. A proposta é que o local seja transformado em um moderno centro de administração, com novas instalações e acessibilidade para melhor atender o interesse público e coletivo.

Com prazo de 180 dias para ficar pronta, a edificação terá três andares, com elevadores, escadas, cozinhas e seis banheiros nos três pavimentos, incluindo sanitários adaptados para pessoas com necessidades especiais, além de salas que serão utilizadas de acordo com a necessidade da Administração Municipal. Várias secretarias, que hoje se encontram em imóveis alugados, vão funcionar no local, o que desonerará os cofres públicos.

O prefeito Arlei ficou bastante satisfeito com o início das obras. “Depois de mais de duas décadas, Teresópolis finalmente está vendo a reforma do centro administrativo acontecer. Já fizemos a demolição da parte que estava comprometida, e agora o interior do prédio está sendo totalmente reformado para abrigar algumas secretarias que hoje funcionam em locais alugados. E se Deus permitir vamos inaugurar o prédio com a presença do ex-prefeito Celso Dalmaso”, declarou Arlei.
Satisfeito, o  prefeito Arlei comenta “Depois de mais de duas décadas, Teresópolis finalmente está vendo a reforma do centro administrativo acontecer”
O secretário municipal de Governo, José Carlos Cunha vem acompanhando pessoalmente a reforma e lembra, mais uma vez, a economia que o governo municipal fará com a recuperação do Centro Administrativo. “O prefeito pediu que eu acompanhasse pessoalmente a evolução da obra e, diariamente, coloco o capacete e venho aqui para ver de perto esta construção tão esperada por todos. Vamos alocar várias secretarias em um prédio que é propriedade da Prefeitura. A reforma tinha que acontecer o mais rápido possível. Isto demonstra o quanto esta administração está comprometida com o bom uso do dinheiro público”, falou Cunha.

Segundo Marco Antonio dos Santos, arquiteto responsável pela execução da obra, o andamento das ações está dentro do prazo previsto. “Conforme o planejamento da própria Prefeitura, o que foi programado dentro de um cronograma físico e financeiro está sendo cumprido e o andamento da obra está em dia com o tempo previsto. Agora, estamos fazendo as demolições necessárias e a retirada do piso e contrapiso que não poderão ser aproveitados e também começamos a desenvolver o trabalho de reforço das lajes e colunas”, explicou.

Presente nesta quinta-feira, 25, ao local, o vereador Dr. Carlão enalteceu a vontade política do Prefeito Arlei em realizar a restauração do prédio abandonado. “Arlei foi o único prefeito que teve a sensibilidade de realizar este trabalho e o que precisava era vontade política e disposição de recuperar o prédio, que servia de vergonha para o município. Ele teve o espírito público de resolver esta questão”, comentou Carlão.
 Secretário de Governo, José Carlos Cunha acompanha pessoalmente as obras de recuperação do Centro Administrativo
A recuperação do Centro Administrativo foi anunciada por várias administrações nos últimos 20 anos, mas nunca chegou a acontecer de fato. A obra, além de economizar dinheiro do município, também vai recuperar uma área que destoava do centro da cidade, uma vez que há alguns anos atrás o prédio, que já estava interditado, foi também incendiado.

Com 1.896m² de área construída em três pavimentos, o prédio foi projetado em abril de 1983 e inaugurado em 1985. A primeira interdição aconteceu no início dos anos 90, sendo liberado pela administração seguinte e vetado novamente em 1999. Em 2007, ocorreram dois incêndios no edifício, que também abalaram a estrutura. Finalmente em 2013, o prefeito Arlei determinou a recuperação total do prédio.

Texto – Gisele Barreto
Fotos – Marco Esteves
Fonte-Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Paralamas do Sucesso comemoram 30 anos de carreira com show gratuito em Teresópolis-Festival de Inverno Sesc Rio 2013

Paralamas do Sucesso - Crédito Mauricio Valladares (02)
Paralamas do Sucesso comemoram 30 anos de carreira com show gratuito em Teresópolis
Apresentação será no domingo, 28/07 às 19h na Praça Olímpica.

Os Paralamas do Sucesso comemoram 30 anos de carreira com um show inédito em que tocam seus sucessos e músicas que influenciaram a banda. A apresentação gratuita acontece no domingo, dia 28 de julho, às 19h, na Praça Olímpica, em Teresópolis, dentro da programação do Festival Sesc Rio de Inverno 2013. 

Com direção de Claudio Torres e José Fortes, Herbert Vianna (voz e guitarra), Bi Ribeiro (baixo) e João Barone (bateria e vocais) sobem no palco acompanhados por João Fera (teclados e violão), Bidu Cordeiro (trombone) e Monteiro Jr (sax). O repertório é composto por músicas de todas as fases da trajetória do grupo, como o primeiro hit “Vital e sua moto”, “Óculos”, “Cinema mudo”, “Lanterna dos afogados”, “Romance ideal”, “O calibre”, “Caleidoscópio”, entre muitas outras, além de canções de outros artistas como “Que país é esse” (Renato Russo), “Você” (Tim Maia) e “Como uma onda” (Lulu Santos e Nelson Motta).

Os Paralamas do Sucesso começaram a se tornar conhecidos do grande público em 1983. Da primeira entrevista na Rádio Fluminense até o palco do Rock in Rio, de anônimos eles passaram a promessa. “Vital e sua moto” se transformou em um dos primeiros hits daquela geração e lhes rendeu o convite para gravar um disco profissional. Dali pra frente, os palcos melhoraram, as turnês cresceram, as rádios deram espaço e a TV se abriu a toda uma nova cultura jovem forte e representativa que emergia. Havia um novo país nascendo e a trilha sonora era a dessa rapaziada.

Depois do bom lançamento de “Cinema Mudo”, da série de hits e sucessos que vieram a reboque de “O passo do Lui”, veio “Selvagem?”. Foi a primeira realização concreta de um álbum brasileiro pop em que as referências anglo-americanas do rock eram fundidas com sonoridades locais e latinas – sobretudo as jamaicanas. Nessa busca, eles ainda encontraram uma forma de ser mais populares, de fazer o rock nacional ir além da classe média e, ao mesmo tempo, de torná-lo música de exportação. Turnês pela América Latina e pelos Estados Unidos fizeram dos Paralamas uma das bandas brasileiras mais conhecidas internacionalmente. E nessa eles foram parar no tradicionalíssimo Festival de Montreux. Dessa apresentação, tiraram o disco “D”.

Com 19 álbuns e 9 DVDs lançados, os Paralamas do Sucesso são uma das mais importantes bandas da música nacional.

Paralamas do Sucesso - Crédito Mauricio Valladares (07)


SERVIÇO

Show Paralamas do Sucesso 30 anos
28/7 – domingo – Praça Olímpica (Teresópolis) – 19h
Classificação etária: 14 anos
Grátis

Duração do espetáculo: 90 minutos

Fotos:crédito Mauricio Valladares
Fonte: Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio

Espetáculo infantil de Lucio Mauro Filho mistura Shakespeare com cultura popular brasileira-Festival de Inverno Sesc Rio 2013 em Teresópolis

Uma peça como eu gosto - Crédito Guga Melgar 01
Espetáculo infantil mistura Shakespeare com cultura popular brasileira

Dirigido por Lucio Mauro Filho e Duda Maia, vencedores do prêmio Zilka Sallaberry 2013, ‘Uma peça como eu gosto’ terá apresentações no Festival Sesc Rio de Inverno

Uma companhia de teatro mambembe percorre o Brasil encenando espetáculos de William Shakespeare com bonecos e música ao vivo. Esta é a história de “Uma peça como eu gosto”, dirigida por Lucio Mauro Filho e Duda Maia, que estará em cartaz no domingo, dia 28 de julho, às 16h, no Sesc Teresópolis. Com texto de Marcelo Morato e elenco que traz os atores Viviane Netto, Laura Telles e Leonardo Miranda, a peça apresenta clássicos do dramaturgo, como “Hamlet”, “Romeu e Julieta” e “A tempestade”, de forma mais compreensível para o público infantil. A montagem venceu o prêmio Zilka Sallaberry 2013 de Melhor Direção. A entrada é gratuita.

A história lança um olhar diferente sobre as três tramas do escrito inglês: “Hamlet” se passa numa festa junina no interior, os personagens de “Romeu e Julieta” são de famílias de pizzaiolos descendentes de imigrantes italianos e a ação de “A Tempestade” acontece em meio a elementos que remetem à Floresta Amazônica, fazendo referência à ilha que serve de refúgio para a família aristocrática que protagoniza a trama. “Nossa preocupação foi não infantilizar as histórias, e sim criar uma atmosfera lúdica, tratando as questões que, muitas vezes, são trágicas de forma leve, com humor, num tom de brincadeira”, explica a diretora Duda Maia.

O espetáculo utiliza recursos como um cenário que se transforma em vários ambientes, bonecos, música e contação de histórias. Com uma trilha original composta por 12 canções, os três atores cantam e tocam ao vivo diversos instrumentos, como acordeon, triângulo, zabumba, pandeiro, entre outros. Para Marcelo Morato, autor do texto, as personagens vivenciam diretamente as experiências e emoções de cada história contada. “Eles têm conflitos internos que refletem os mesmos problemas encontrados nas peças que a companhia encena”, afirma.
Uma peça como eu gosto - Crédito Guga Melgar 02

Mais informações em www.festivaldeinvernosescrio.com.br.

Ficha técnica
Elenco: Laura Telles, Viviane Netto e Leonardo Miranda
Texto: Marcelo Morato
Direção: Lucio Mauro Filho e Duda Maia
Cenário e objetos de cena: Denis Netto
Bonecos: Clívia Cohen
Figurinos e adereços: Mauro Leite
Iluminação: Renato Machado
Direção musical e músicas originais: Leonardo Miranda e Leandro Muniz

Serviço
Espetáculo infantil “Uma peça como eu gosto”
Sesc Teresópolis: Av. Delfim Moreira, 749. Tel.: (21) 2743-6959
28/7
16h
Ingressos: grátis
Classificação: livre

Duração: 60 minutos

Fotos:Crédito Guga Melgar
Fonte:Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio

Diogo Nogueira estará em Teresópolis no sábado para show gratuito-Festival de Inverno Sesc Rio

Diogo Nogueira - Crédito Washington Possato (01)

Diogo Nogueira estará em Teresópolis no sábado para show gratuito

Cantor apresenta nova turnê do CD ‘Mais amor’ no Festival Sesc Rio de Inverno


Diogo Nogueira visita Teresópolis neste sábado (27/07) às 20h30 para o novo show do CD “Mais amor”. A apresentação gratuita acontece na Praça Olímpica, em Teresópolis, às 20h30.

No novo show, Diogo Nogueira pretende cantar o amor em todas as suas formas. O sambista apresenta músicas inéditas de sua autoria, além de canções criadas especialmente para o CD, por alguns dos mais importantes compositores do samba contemporâneo, como Jorge Aragão, Arlindo Cruz, Xande de Pilares (Grupo Revelação), Serginho Meriti (autor de diversos sucessos do gênero, dentre eles “Da melhor qualili”, do álbum “Sou eu”), Flavinho Silva (que assina sucessos de Diogo como “Fé em Deus” e “Tô fazendo a minha parte”) e André Renato (autor de alguns dos maiores hits do Grupo Revelação, do Fundo de Quintal, dentre outros artistas).

Além das músicas do novo CD, Diogo Nogueira também apresenta versões inéditas para grandes clássicos da MPB. O show conta com a participação de dez dançarinos da Cia. de Dança Carlinhos de Jesus e com o cenário especialmente criado por Zé Carratu.

No palco, ele estará acompanhado de Henrique Garcia (cavaquinho), Cacau Castro (percussão), Wallace Peres (violão de seis cordas), Daniel Felix (percussão), Everton Germano (sopros), João Faria (baixo), Chico Faria (guitarra), Sandro Araujo (bateria), Carlinhos de Castro (pandeiro), Fabiano Segalote (trombone), Gilson Santos (trompete), Pizzott (repique), Bruno Barreto (coro) e Fernando Merlino (teclados).

Com apenas cinco anos de carreira, a discografia do cantor registra mais de 700 mil unidades vendidas, que renderam ao sambista quatro CDs de ouro, dois DVDs de platina e um DVD de platina duplo.

Diogo Nogueira vem de uma nobre linhagem do samba. Filho do sambista João Nogueira, acostumou-se desde cedo a ser embalado por choros e sambas. O pai costumava levar Diogo para cantar em seus shows e logo vieram os convites para participar de rodas de samba do Rio, hábito que lhe rendeu respeito e aprovação dos “bambas” da música.

No final de 2005, participou do antológico show realizado no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, comemorando os 40 anos de carreira da cantora Beth Carvalho. Naquela noite, o sambista emocionou a plateia ao interpretar "O poder da criação".

Em 2007, Diogo Nogueira gravou seu primeiro DVD no Teatro João Caetano (RJ), com clássicos do samba e músicas inéditas, ao lado dos convidados Marcelo D2, Xande de Pilares (Revelação) e o violonista Marcel Powell, confirmando o artista como a maior revelação do samba de sua geração.

Em 2008, foi indicado ao Prêmio Multishow de Música Brasileira e ao Grammy Latino, na categoria Revelação. No ano seguinte, lançou o segundo CD de sua carreira, “Tô fazendo a minha parte”, em que apresenta músicas inéditas, de sua autoria e de compositores como Chico Buarque, Ivan Lins, Arlindo Cruz, Almir Guineto, Xande de Pilares, Flavinho Silva, dentre outros. Em 2010, gravou o segundo DVD de sua discografia, “Sou eu”, que recebeu a participação especial de Chico Buarque, Ivan Lins, Alcione e Hamilton de Holanda. No mesmo ano, ganhou o Prêmio VMB da MTV Brasil, na categoria Melhor Artista de MPB, além de ter concorrido ao melhor clipe do ano, um fato inédito na história da MTV para um clipe de samba. Ganhou o Grammy Latino, na categoria brasileira de Melhor Álbum de Samba, pelo disco “Tô fazendo a minha parte”. Em 2011, mais um álbum, “Sou Eu”, foi indicado ao Grammy Latino, na categoria Melhor Álbum de Samba/Pagode.

Em 2012, Diogo Nogueira embarcou para uma turnê pelos Estados Unidos, onde se apresentou na tradicional casa SOB (Sounds of Brazil) e no Webster Hall, em Nova Iorque, e na Artisphere (Ballroom), no estado da Virgínia. Lançou, em agosto, o CD e DVD “Diogo Nogueira ao Vivo em Cuba”, que traz o registro de show em Havana, Cuba, além do documentário “DOC.SHOW”, que mescla imagens da apresentação com cenas da passagem do cantor pelo país, seu encontro com os músicos locais e impressões de viagem.

Além dos shows, o cantor segue no comando do programa “Samba na Gamboa“ (TV Brasil), exibido terças-feiras, às 22 horas. Atualmente em sua quarta temporada, o programa é, desde a sua estreia, em 2009, o de maior audiência da emissora. Diogo entrevistou e cantou com grandes nomes da música, como Jorge Benjor, Zeca Pagodinho, Martinho da Vila, Paulinho da Viola e João Bosco. Até então, foram mais de 100 artistas e mais de 1.000 músicas gravadas.

SERVIÇO

Show Mais Amor, de Diogo Nogueira
27/7 – sábado – Praça Olímpica (Teresópolis) - 20h30
Classificação etária: 14 anos
Grátis
Duração do espetáculo: 90 minutos


Fotos:Crédito Washington Possato
Fonte:Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio

Domingos Montagner estrela obra prima de prêmio Nobel no Sesc Teresópolis-Festival de Inverno Sesc Rio 2013

La Minima Mistero Buffo - Crédito Carlos Gueller 01
Festival Sesc Rio de Inverno - 13/7 a 28/7/2013
Domingos Montagner estrela obra prima de prêmio Nobel no Sesc Teresópolis
Espetáculo Mistero Buffo, obra do italiano Dario Fo, prêmio Nobel em 97,
acontece no dia 27 de julho

Grande parte das histórias bíblicas são contadas com seriedade e reverência, muitas vezes com personagens sérios e enrijecidos, porém, a comédia Mistero Buffo quebra todo esse protocolo. A peça foi adaptada por Neyde Veneziano para o grupo LaMínima a partir do texto do italiano Dario Fo, que conduz toda a narração em tom satírico. Mistero Buffo faz parte da programação do Festival Sesc Rio de Inverno, que acontece de 13 a 28 de julho. O espetáculo será apresentado dia 27 de julho no Teatro do Sesc Teresópolis, às 20h. Os ingressos variam entre R$8 e R$30.

O espetáculo é composto por quatro pequenas histórias escritas por Fo inspiradas em passagens bíblicas, mas a seriedade do assunto é subvertida através da linguagem utilizada pelo autor, que não poupa gírias, dialetos e situações que se mesclam à estética de Dario Fo e a do palhaço. O texto é uma crítica ácida à espetacularização da fé. Os quadros que compõem o espetáculo são A Ressurreição de Lázaro, O Cego e o Paralítico, O Louco e a Morte e O Louco aos pés da Cruz. penas

A peça conta com vinte personagens em cena, desdobrados entre os atores Domingos Montagner e Fernando Sampaio. Além deles, o também ator e palhaço Fernando Paz, completa o time e a parceria sonora, executando a trilha sonora ao vivo. A direção musical fica por conta de Marcello Pellegrini.

O espetáculo investe na linguagem do palhaço, onde os atores buscam sua essência no corpo e na voz, muitas vezes sem os recursos de figurino, maquiagem e o típico nariz vermelho. É o corpo falando através de movimentos e expressões faciais. A peça também se mostra como uma reflexão sobre a atualidade desta arte e sua identidade dentro da comédia. Somado a isso, Neyde Veneziano utilizou gírias brasileiras tipicamente suburbanas para se adaptar à linguagem de Dario Fo.

Mistero Buffo é considerada uma obra prima de Fo, tido como um dos dramaturgos mais encenados do mundo. A peça foi encenada em diversos palcos pelo planeta e discute satiricamente as tragédias humanas, como a ganância, a fome, a exploração e a pobreza. Na montagem, são narrados fatos onde o passado torna-se uma metáfora do presente. Além disso, há uma comunicação direta com o público, que além de se divertir, também se informa através dos prólogos cheios de informações históricas que os atores fazem antes de cada narração em forma de jogral.

A classificação indicativo é de 14 anos. Os ingressos custam R$30 (inteira), R$15 Mais (meia entrada) e R$8 (associados Sesc). 
 Mais informações em www.festivaldeinvernosescrio.com.br.

Serviço:
Espetáculo Mistero Buffo
Local: Teatro do Sesc de Teresópolis
Data: 27 de julho
Horário: 20h
Classificação indicativa:14 anos
Ingresso: R$30, R$15 e R$8
Duração: 75 minutos

La Minima Mistero Buffo - Crédito Carlos Gueller (02)

Fotos:crédito Carlos Gueller
Fonte:Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio

Titãs fazem show gratuito em Teresópolis-Festival de Inverno Sesc Rio 2013

Titãs - Crédito Marcelo Tinoco (01)
Festival Sesc Rio de Inverno - 13/7 a 28/7/2013
Titãs fazem show gratuito em Teresópolis
Apresentação acontecerá nesta sexta-feira, 26, na Praça Olímpica às 20h30

Ao comemorar 30 anos de carreira em 2012, os Titãs resolveram montar um show onde pudessem apresentar hits, clássicos e também algumas músicas novas em caráter experimental como ‘’Fala aí, Renata’’ e ”Morto Vivo’’. O show Futuras Instalações faz parte da programação do Festival Sesc Rio de Inverno, que segue até domingo, dia 28. A apresentação gratuita será na Praça Olímpica às 20h30, em Teresópolis.

O show Futuras Instalações, onde apresentam junto a seus hits e clássicos, músicas novas em caráter experimental, ao mesmo tempo que estas estão sendo trabalhadas e criadas em estúdio para o lançamento de seu novo trabalho.

Considerado novo e transitório, Futuras Instalações tem o objetivo de apresentar e testar as músicas novas em público, estimular a criatividade e satisfação dos Titãs e reafirmar sua vocação para a experimentação. A banda utiliza o que já foi destruído para inventar um novo traço. ‘’Fala aí, Renata’’, ‘’Morto Vivo’’, ‘’Tradição’’ e ‘’Duas Torres’’ são as canções novas, que mesclam elementos da música brasileira mais essencial – guitarradas, bandas de pífaros e música do Xingú – com a tradicional pegada cosmopolita e roqueira dos Titãs.

Em comemoração aos 30 anos de carreira, a banda Titãs volta a Sorocaba nesta sexta-feira (21), trazendo seu novo show "Futuras Instalações" ao palco do ginásio do Sesc. Os ingressos estão esgotados.

Entre as inúmeras ações e surpresas com que brindarão os fãs, os Titãs se esmeram na preparação de um novo CD de músicas inéditas a ser lançado como parte das festividades do aniversário de três décadas de atividade artística ininterrupta. Inspirados por uma estratégia já utilizada em outros momentos da carreira, os músicos decidiram montar um show novo e transitório, "Futuras Instalações", em que apresentam hits e clássicos da vida toda, além de algumas músicas novas em caráter experimental que, ao mesmo tempo, estão sendo trabalhadas e criadas em estúdio.

"Futuras Instalações" tem o objetivo de apresentar e testar as músicas novas em público, estimular a criatividade e a satisfação dos Titãs e reafirmar a vocação da banda para a experimentação. As canções novas, como "Fala aí Renata", "Morto Vivo", "Tradição" e "Duas Torres", entre outras, mesclam elementos da música brasileira mais essencial - guitarradas, bandas de pífaros e música do Xingú - com a tradicional pegada cosmopolita e roqueira dos Titãs. Nesse grande canteiro de obras, o grupo utiliza o que já foi destruído para inventar um novo traço.

Serviço:
Teresópolis – Praça Olímpica – 26 de julho às 20h30
Classificação indicativa:Livre
Ingresso: Gratuito
Duração: 75 minutos

Titãs - Crédito Marcelo Tinoco (02)

Fotos:crédito Marcelo Tinoco
Fonte:Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio


Zé Ramalho apresenta seus grandes sucessos em Teresópolis e Nova Friburgo-Festival de Inverno Sesc Rio 2013

Zé Ramalho - Crédito Dario Zalis 04

Festival Sesc Rio de Inverno - 13/7 a 28/7/2013

Zé Ramalho apresenta seus grandes sucessos em Teresópolis e Nova Friburgo
Shows gratuitos acontecem nos dias 25 e 28 de julho, às 22h e 20, respectivamente e têm classificação de 14 anos

Zé Ramalho apresenta sua tour 2013 trazendo seus grandes sucessos regados a psicodelismo e regionalismo, além de releituras de Raul Seixas. O show faz parte da programação do 12º Festival Sesc Rio de Inverno, que acontece até 28 de julho. A apresentação será dia 25 de julho noa Praça Olímpica em Teresópolis, às 22h e dia 28 de julho, às 20h, na Praça do Suspiro, em Nova Friburgo. A classificação indicativa é de 14 anos e a entrada é franca.

Há mais de 30 anos seguindo firme pelos palcos brasileiros, Zé Ramalho traz sua tour 2013 ao Festival de Inverno do Sesc e promete fazer a alegria dos fãs com seus grandes sucessos e releituras de Raul Seixas. Zé traçou uma ponte entre Pink Floyd e Beatles a Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga. Considerado um trovador urbano, uniu o sertão à cidade grande, psicodelismo e regionalismo, inserindo o Nordeste no mundo.

O cantor ultrapassou a barreira de um milhão de discos vendidos com a obra ‘’Entre a Serpente e a Estrela’’, que fez parte da trilha sonora de uma das novelas Rede Globo. Além deste, bateu outro recorde ao retornar às paradas de sucesso com ‘’Admirável Gado Novo’’, na trilha de ‘’O Rei do Gado’’, que ultrapassou as três milhões de cópias vendidas, um recorde até hoje inalcançável.

Além das milhões de cópias vendidas, ganhou vários prêmios, foi indicado ao Grammy Latino e participou de projetos musicais de sucesso, como ‘’O Grande Encontro’’, onde com parceiros como Elba Ramalho, Geraldo Azevedo e Alceu Valença, levou multidões aos shows em todo o país.

Sua tour 2013 traz Zé Ramalho revisitando alguns de seus maiores êxitos que venderam milhões de discos, mantendo o respeito da crítica especializada, em rara unanimidade. Frevo Mulher, Admirável Gado Novo, Chão de Giz, Vila do Sossego e Banquete dos Signos são apenas alguns dos sucessos lançados por Zé Ramalho e que estarão em seu repertório, que traz ainda releituras de Raul Seixas, com Trem das Sete e Medo da Chuva. Acompanhando o cantor, Chico Guedes ( contrabaixo) Zé Gomes (percussão) João Pontes (teclados) Edu Constant (bateria) Antonio de Paula (sax).

Com sua voz inconfundível e sua poesia apocalíptica, Zé Ramalho derruba fronteiras e prova que a música é universal. Há mais de 30 anos na estrada, seja qual for a jornada, o público sabe que quem a conduz é um dos artistas com a personalidade mais marcante da música popular brasileira. 

Zé Ramalho - Crédito Dario Zalis 01
Serviço:
Teresópolis - Praça Olímpica – dia 25 de julho 22h
Friburgo - Praça do Suspiro – dia 28 de julho 20h
Classificação indicativa:14 anos
Ingresso: Gratuito
Duração: 75 minutos


Fotos:crédito Dario Zalis
Fonte:Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio

Depois do sucesso em temporada carioca, “Gonzagão – A lenda” chega a Teresópolis, dia 25/7-Festival de Inverno Sesc Rio 2013

Gonzagão A lenda - Crédito Silvana Marques (02)
Depois do sucesso em temporada carioca, “Gonzagão – A lenda” chega a Teresópolis, dia 25/7-Musical de João Falcão conta a história de Luiz Gonzaga ao som de 50 sucessos como “Asa Branca”, “Baião”, “Xote das Meninas” e “Que nem Jiló”.

Como em qualquer história de homem que vira mito, a vida de Luiz Gonzaga tem passagens em que as versões de seus biógrafos não batem, em que realidade e fantasia se confundem. Desde que foi convidado, há dois anos, para criar um musical sobre o Rei do Baião, o autor e diretor João Falcão se sentiu livre para tratar mais do mito do que do homem. O resultado é “Gonzagão – A lenda”, espetáculo que terá apresentação no dia 25 de julho, no Sesc Teresópolis, às 19h. Criada para homenagear o centenário do artista, a peça estreou em 2012, no Rio, e foi sucesso de público e crítica, tendo sua temporada carioca prorrogada até janeiro de 2013.

“É a história de Luiz Gonzaga, mas não é Wikipédia”, diz João Falcão, que evitou qualquer didatismo na construção do texto, embora tenha lido vários livros sobre um dos artistas mais importantes da música brasileira, morto em 2 de agosto de 1989 e cujo centenário de nascimento se completou no dia 13 de dezembro do ano passado.

A opção por uma abordagem teatral, não enciclopédica, fica explícita logo no início da peça, quando uma trupe se apresenta para contar a “lenda do Rei Luiz”. Os atores desta trupe anunciam que encenarão uma história iniciada “no sertão do Araripe lá pelos idos do século XX”. “Eles estão no futuro, mas tudo é meio arcaico. Não se localiza a época”, diz João.
Gonzagão A lenda - Crédito Silvana Marques (01)
A atemporalidade vem acompanhada de uma proposital imprecisão espacial. Mas é claro que as referências são maciçamente nordestinas, sobretudo pernambucanas. Luiz Gonzaga nasceu no município de Exu, de onde saiu aos 17 anos para ganhar o mundo. João Falcão também é de Pernambuco, da cidade de São Lourenço da Mata, onde vivia numa usina de cana de açúcar, a Tiuma.

A trupe da peça é formada por oito homens (Adrén Alves, Alfredo Del Penho, Eduardo Rios, Fabio Enriquez, Marcelo Mimoso, Paulo de Melo, Renato Luciano, Ricca de Barros, todos se revezando nos vários papéis, inclusive no de Gonzaga) e apenas uma mulher, Laila Garin.

Na história, João se permitiu rebatizar duas mulheres importantes da vida do músico, Nazarena (o primeiro grande amor) e Odaléa (a mãe de Gonzaguinha, de quem Gonzagão assumiu a paternidade, embora fosse estéril, e deu para um casal criar) como Rosinha e Morena, respectivamente, nomes que aparecem em músicas do compositor. E ainda se permitiu criar um encontro que nunca aconteceu: Luiz Gonzaga e Lampião, dois mitos nordestinos.

Também há espaço, naturalmente, para se falar da originalidade de Gonzaga, um artista que, a partir dos ensinamentos de seu pai, Januário, criou em sua sanfona um gênero, o baião, e o transformou em sucesso e patrimônio nacionais. “Ele não só levou o baião para o Brasil inteiro, mas trouxe as linguagens do Nordeste para a sua obra”, ressalta João.

Dentre as mais de 50 canções que estão na peça, há sucessos como “Cintura fina”, “O xote das meninas”, “Qui nem jiló”, “Baião”, “Pau-de-arara” e sua mais célebre criação, “Asa branca”. De acordo com a linha não dogmática de todo o espetáculo, o diretor musical Alexandre Elias não ficou preso à estrutura básica do forró, que é sanfona-triângulo-zabumba. No conjunto de quatro instrumentistas que atua no palco, há, além do sanfoneiro (Rafael Meninão) e do percussionista (Rick De La Torre), um violoncelista (Hudson Lima) e um rabequeiro e violeiro (Beto Lemos), que chega a tocar viola de 10 cordas como se estivesse tocando guitarra.

Ficha técnica
Texto e direção: João Falcão
Elenco: Apresentando – Marcelo Mimoso Atriz Convidada – Laila Garin e Adrén Alves, Alfredo Del Penho, Eduardo Rios, Fabio Enriquez, Paulo de Melo, Renato Luciano e Ricca de Barros Músicos: Beto Lemos – Viola e Rabeca Hudson Lima – Cello Rick De La Torre – Percussão Rafael Meninão / Marcelo Guerini –Acordeon
Direção musical: Alexandre Elias
Direção de movimento: Duda Maia
Direção de produção e Idealização: Andréa Alves
Cenografia e adereços: Sergio Marimba
Figurinos: Kika Lopes
Iluminação: Renato Machado
Preparação vocal: Carol Futuro
Produção executiva: Regiane Sobral e Thalita Mendes
Produção e Realização: Sarau Agência de Cultura Brasileira
Gonzagão A lenda - Crédito Marcelo Rodolfo
Serviço
Peça “Gonzagão – A lenda”
Sesc Teresópolis – Quadra: Av. Delfim Moreira, 749. Tel.: (21) 2743-6959
25/7
19h
Ingressos: R$ 8 (associados Sesc Rio), R$ 15 (estudantes, maiores de 60 anos e jovens de até 21 anos), R$ 30
Duração: 120 minutos
Classificação: 12 anos

Fotos:crédito Marcelo Rodolfo/Silvana Marques

Fonte:Carlos Felipe de Araújo/Assessoria de Comunicação Sesc Rio

Emiliano Queiroz narra trajetória de sua própria vida e carreira no Sesc Teresópolis-Festival de Inverno Sesc Rio 2013

Na sobremesa da vida 01- Crédito Guga Melgar
Festival Sesc Rio de Inverno - 13/7 a 28/7/2013

Emiliano Queiroz narra trajetória de sua própria vida e carreira no Sesc Teresópolis-Espetáculo Na Sobremesa da Vida acontece no dia 25 de julho às 18h

O ator Emiliano Queiroz aos 77 anos, sobe ao palco do Sesc Teresópolis, para contar a trajetória de sua própria vida no espetáculo Na Sobremesa da Vida. Com mais de 60 anos dedicados a dramaturgia, o espetáculo é apresentado pelas diversas personagens interpretadas por ele ao longo dos anos. A apresentação acontece na quinta-feira, dia 25/7, no teatro do Sesc Teresópolis às 18h, dentro da programação do Festival Sesc Rio de Inverno.

Na Sobremesa da Vida é um doce gênero literário inspirado na biografia do ator Emiliano Queiroz. A montagem oferece ao espectador uma verdadeira viagem no tempo, pois traça a trajetória da infância de Emiliano desde os quatro anos de idade, quando vivia em Aracati, no Ceará, e percebeu que queria ser ator. No decorrer da história, o público relembra vários personagens de sucesso do rádio, da TV, do teatro e do cinema, além de fazer um paralelo com os acontecimentos históricos do Brasil à cada época. Como por exemplo no período da ditadura, em que Emiliano Queiroz precisava do aval da censura para poder apresentar pelo Brasil a peça Navalha na Carne.

As grandes parcerias profissionais do ator nas 50 peças de teatro e 51 filmes também são lembradas durante o espetáculo, que conta ainda com os atores Antonio Gomes e Ana Queiroz, interpretando diferentes personagens em diferentes épocas. A atriz Ivone Hoffmann, parceira de palco e vida de Emiliano, também faz uma participação especial na peça.
Na sobremesa da vida 03- Crédito Guga Melgar

As participações em novelas como: O Bem Amado, onde interpretava o lendário Dirceu Borboleta, em Navalha na Carne, Engraçadinha e na Ópera do Malandro também são lembradas na peça. O texto e adaptação são de Maria Letícia e a direção de Ernesto Piccolo.

Na sobremesa da vida 02- Crédito Guga Melgar
A classificação indicativa é de 10 anos e o valor dos ingressos varia entre R$8 e R$30. Mais informações pelo site www.festivaldeinvernosescrio.com.br.

Serviço:

Espetáculo Na Sobremesa da Vida
Local: Teatro do Sesc Teresópolis
Data: 25 de julho
Horário: 18h
Classificação indicativa: 10 anos
Ingresso: R$30, R$15 e R$8
Duração: 80 minutos

Fotos:crédito Guga Melgar
Fonte:Carlos Felipe de Araújo
/Assessoria de Comunicação Sesc Rio