Pesquisar este blog

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Teresópolis é escolhida para sediar as Olimpíadas Regionais dos Estudantes de Medicina 2014

Os universitários Vanessa Vazquez, Nathalia Santos e Murilo Fernandes, se reúnem com o secretário de Esportes, Luiz Carlos Oliveira, e elogiam a estrutura esportiva da cidade​
Teresópolis é escolhida para sediar as Olimpíadas Regionais dos Estudantes de Medicina 2014 - Maior evento universitário esportivo da América Latina deve reunir cinco mil competidores

Teresópolis, 30 de setembro 2014 – O município de Teresópolis foi escolhido para sediar a 21ª OREM – Olimpíadas Regionais dos Estudantes de Medicina, considerada a maior competição universitária desportiva da América Latina. Organizada pela regional Sudeste 1 da Direção Executiva Nacional dos Estudantes de Medicina (Denem), a OREM será realizada de 10 a 15 de outubro, reunindo cerca de cinco mil competidores de 22 faculdades de Medicina dos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. Concorrendo com Angra dos Reis, Barra do Piraí, Valença e Vassouras, Teresópolis recebeu 19 dos 22 votos para sediar o evento.

Serão disputadas sete modalidades esportivas: futebol, futsal, vôlei, basquete, handebol, natação e cabo de guerra. Além das competições, serão realizadas várias confraternizações entre os universitários, com shows de bandas nacionais e regionais, como Chiclete com Banana, Detonautas e Molejo. A renda obtida com a venda de ingressos será usada para custear as despesas do evento.

Desde o mês de julho, têm sido realizadas reuniões entre os integrantes do comitê de organização e representantes das secretarias de Esportes e Lazer e de Governo para tratar da estrutura do evento. Os estudantes Vanessa Vazquez Leal de Castro, Nathalia Santos e Murilo Fernandes foram recebidos pelo secretário de Esportes, Luiz Carlos Oliveira, pelo subsecretário, Mário Silva, pela assessora de eventos da secretaria, Gisele Fernandes, e pelo secretário de Governo, Leonardo Vasconcellos.

A comissão organizadora já conheceu espaços como ginásios, escolas públicas e clubes que sediarão os jogos e também servirão de alojamento para os alunos participantes. “Ficamos impressionados com a estrutura esportiva da cidade e do Ginásio Pedrão, que tem metragem oficial de 40m x 20m e arquibancada, o que não é tão fácil de encontrar”, destacou Vanessa Vazquez.

Para o secretário de Esportes, Luiz Carlos Oliveira, a realização de um evento deste porte é de grande importância para Teresópolis. “Não é toda cidade que tem a oportunidade de receber uma competição dessa dimensão. Serão cerca de cinco mil atletas circulando na cidade durante uma semana e movimentando a economia local”, assinalou.

Shows

A 21ª OREM terá shows entre os dias 10 e 14, no Parque de Exposições de Albuquerque. Na sexta, dia 10, se apresentam Chiclete com Banana e Carrossel de Emoções; no sábado, 11, será a vez dos Detonautas e do DJ Tubarão animarem o público; domingo, 12, acontece a OREM Fantasy, com shows de Dennis e dos Raimundos; Molejo e a dupla Fabiano&Bonato são as atrações da segunda, 13; e encerrando a festa, tem Duelo de Baterias na terça, 14.

Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente nos seguintes pontos de venda: Ginásio Pedrão e restaurantes K7 (Shopping Teresópolis) e Mille Matti (Av. Alberto Torres, 162). 
21ª Orem Olimpiadas regionais dos Estudantes de Medicina em Teresópolis RJ

Foto – crédito Marco Esteves
Fonte-Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Reunião do Fórum Serrano de Gestores de Cultura realizado em Teresópolis

Davi Massena, Secretário de Cultura de Nova Friburgo, com os representantes do Sesc - Maria José Gouveia, Marcos Rego, Eugênio Nascimento e Paulo lavrador
Teresópolis sedia Encontro do Fórum Serrano de Gestores de Cultura
Reunião oficializa entrada do SESC na entidade

Teresópolis, 30 de setembro de 2014 - Nesta segunda-feira, 29 de setembro, Teresópolis sediou a reunião mensal do Fórum Serrano de Gestores Públicos de Cultura do Rio de Janeiro. O encontro foi realizado na Casa de Cultura Adolpho Bloch, em Araras, e contou com a presença de representantes de oito municípios da Região Serrana. O ponto alto foi a presença de quatro representantes do Serviço Social do Comércio – SESC, que a partir de agora, passa a integrar oficialmente a entidade.

Participaram da reunião gestores públicos dos municípios de Trajano de Moraes, Petrópolis, Cantagalo, Cordeiro, Guapimirim, Cachoeiras de Macacu, Nova Friburgo e, é claro, Teresópolis, representada pelo secretário de Cultura, Arnaldo Almeida, e pela coordenadora de projetos da Secretaria de Cultura, Nara Zeitune. Convidados especiais, quatro representantes do SESC estiveram presentes, protagonizando o ponto alto do encontro: o ingresso da instituição no Fórum Serrano. Reunido no teatro da Casa de Cultura, o grupo conversou por mais de duas horas, abordando diversos assuntos, com críticas e sugestões, em um animado bate-papo.

Marcos Henrique Rego, superintendente de Programas Sociais do SESC Rio; Eugênio Nascimento, gerente do SESC Teresópolis; Paulo Lavrador, coordenador técnico da unidade local; e Maria José Motta Gouveia, gerente de cultura do SESC Rio, formaram a comitiva do SESC. “Viemos oficializar esta união, pois os objetivos do Fórum Serrano vão ao encontro às propostas do SESC. Agradecemos o convite e temos a certeza que será muito gratificante participar do fórum. Desta parceria, surgirão projetos viáveis e fomento à cultura em toda a região. Estou inflamado com as muitas possibilidades que virão a partir deste momento”, comentou o superintendente.

A representante do SESC no Fórum Serrano será Maria José Gouveia, que também ficou animada. “Ouvi aqui histórias positivas de cada município e estou feliz em saber que a atuação do SESC traz benefícios reais para a região. Será um prazer integrar este fórum, contribuindo muito mais para a Região Serrana”, comentou.

Entre as ações já definidas, ficou acordado que o SESC realizará três edições do projeto Aldeia, com oficinas, identificação das necessidades e preparação de artistas, e, posteriormente, promoverá a circulação de atrações entre os municípios da região.

Além do ingresso do SESC na entidade, também foi debatido na reunião o andamento da construção dos sistemas municipais de cultura nos municípios que integram o fórum. E, por fim, foi discutida a carta documento elaborada pelo fórum, que está em fase de conclusão e será entregue à Comissão de Cultura da Alerj – Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, propondo mudanças na lei do Sistema Estadual de Cultura. A lei ainda está na Casa Civil em fase de análise e a ideia é que a carta documento provoque mudanças na legislação, que hoje favorece muito pouco a Região Serrana e o interior do estado.

Participando ativamente do encontro, o secretário de Cultura Arnaldo Almeida saiu satisfeito. “As reuniões mensais do fórum são sempre importantes por permitirem troca de experiências e possibilitarem o desenvolvimento e a união da região. Mas, este encontro que sediamos foi particularmente especial. Afinal, o ingresso do SESC com certeza irá fortalecer o nosso Fórum e a cultura da Região Serrana como um todo, atuando como um importante pilar para todo o segmento. A parceria com o SESC irá multiplicar e potencializar as nossas ações. Só por este aspecto, o encontro já foi extremamente positivo”, comemorou Arnaldo, que apresentou aos gestores a estrutura da Secretaria de Cultura de Teresópolis.
Durante a reunião, os gestores da região puderam ver um pouco do trabalho realizado pela Secretaria de Cultura de TeresópolisO ingresso do Sesc no Fórum Serrano de Gestores foi o ponto alto da reunião
O grupo pôde conhecer a aparelhagem da Secretaria de Cultura de Teresópolis, incluindo o Ônibus da Cultura e o Caminhão Palco sobre Rodas
Representantes de oito municípios e do Sesc participaram do encontro
As reuniões do Fórum Serrano de Gestores Públicos de Cultura acontecem uma vez por mês e cada encontro é realizado em um município diferente, sempre com o objetivo de debater ações que possam fomentar a cadeia cultural na Região Serrana. Foi a segunda vez que Teresópolis sediou o encontro, que contou com um café da manhã de confraternização.
Secretário Arnaldo Almeida, Marcos Rego, superintendente do Sesc Rio, Paulo Lavrador e Eugênio Nascimento, do Sesc Teresópolis
Texto: Geórgia Jahara
Fotos: Roberto Ferreira
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Outubro Rosa: HCTCO adere campanha contra o câncer

Outubro Rosa: HCTCO adere campanha contra o câncer
Outubro Rosa: HCTCO adere campanha contra o câncer

Empenhado em conscientizar a população sobre a importância de cuidados com a saúde para a prevenção do câncer, o Hospital das Clínicas de Teresópolis Costantino Ottaviano (HCTCO) aderiu, pelo segundo ano consecutivo, ao movimento mundial Outubro Rosa – Combate ao Câncer de Mama.

Este ano, o HCTCO vai realizar a 1ª Caminhada de Combate ao Câncer de Mama - HCTCO no dia 8 de outubro, com saída às 8h do estacionamento da unidade com destino à Clínica-Escola de Fisioterapia, no Campus Quinta do Paraíso. Ao final haverá sorteio de brindes entre os participantes.

A campanha também será feita através de faixas, cartazes e panfletos informativos. Os funcionários estarão usando um laço rosa, símbolo do movimento. As funcionárias serão atendidas no ambulatório para coleta de preventivo e exame da mama. 

Outubro Rosa

A campanha Outubro Rosa busca estimular a detecção precoce do câncer de mama e chamar a atenção para a realidade atual do câncer. O movimento é internacional, e em qualquer lugar do mundo a iluminação rosa é compreendida como a união dos povos pela saúde feminina.

Fonte:Unifeso Clipping (Jornalismo)

19⁰ Encontro de Radioamadores de Teresópolis nos dias 18 e 19 de Outubro de 2014

Prezados,
Repassamos, para conhecimento e divulgação, informe sobre o Encontro de Radioamadores de Teresópolis nos dias 18 e 19 de outubro.

Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Teresópolis 
(21) 3641-5507
19⁰ Encontro de Radioamadores de Teresópolis nos dias 18 e 19 de Outubro de 2014

Olá a todos, não deixem de visitar o 19⁰ Encontro de Radioamadores de Teresópolis nos dias 18 e 19 de Outubro..

O Encontro realizado anualmente pelo GRATE - Grupo de Radioamadores de Teresópolis é um grande evento social, referência no calendário de eventos radioamadorísticos da região sudeste, e normalmente atrai cerca de 350 radioamadores e seus familiares, vindos de cidades até 300km de distância de Teresópolis.

Declarado de Utilidade Pública Municipal pela lei 3.194 de 21 de Maio de 2013, o Grupo de Radioamadores de Teresópolis prestou importantes serviços á sociedade e aos órgãos municipais e federais durante a calamidade que se abateu em 2011, onde o único meio de comunicação dentro e fora da cidade foi o rádio!

Aberto ao público em geral e com entrada franca, o Encontro de Radioamadores busca atrair novos adeptos a esse fascinante hobby..
Venha conhecer um pouco mais sobre essa turma e as tecnologias que envolvem a transmissão de som, dados e imagem via rádio.

Exposição de Automóveis Antigos em Teresópolis reúne fãs e colecionadores

Integrantes do Clube Amigos dos Antigos, organizadores da exposição
Exposição de Automóveis Antigos reúne fãs e colecionadores em Teresópolis 

Teresópolis, 29 de setembro de 2014 - Para os entusiastas, fãs e colecionadores de carros antigos, o último domingo, 28, foi de festa e comemoração com a realização da tradicional Exposição de Automóveis Antigos de Teresópolis. Em sua 32ª edição, o evento já faz parte do calendário do município e é considerado o mais antigo do país. Organizado pelo Clube Amigos dos Antigos, a exposição contou com o apoio do Governo Municipal e as preciosidades ficaram expostas em frente ao prédio da Prefeitura.

Segundo a organização, a exposição contou com cerca de 400 veículos antigos, entre os da linha importada e também da indústria nacional, pertencentes a colecionadores vindos de diversos municípios do Rio de Janeiro (Teresópolis, Nova Friburgo, Rio das Ostras, Magé, Niterói, Resende, Rio de Janeiro e Volta Redonda), e até de outros estados como Minas Gerais (Juiz de Fora, Leopoldina e Barbacena) e São Paulo (Botucatu).

O secretário municipal de Administração, José Carlos Cunha, falou da satisfação em participar da exposição. “Este evento é um orgulho para Teresópolis, porque além de fomentar a economia da cidade, movimentando hotéis, restaurantes e o comércio, consegue reunir colecionadores, como eu, e proporcionar diversão para toda a família”, salientou Cunha, comemorando o sucesso das suas raridades. “E como apaixonado por essas relíquias eu não podia deixar de contribuir. Trouxe dois carros antigos”, disse ele, referindo-se a uma Vemaguet e um MP Lafer rosa, que foi uma das sensações da ocasião.

Como nos anos anteriores, a exposição levou para avenida raridades originais e modificadas, das mais variadas marcas e estilos e de colecionadores de vários lugares. Modelos como Ford 1928/29, Oldsmobile, Dodge Station Wagon, Chevrolet Belair, Cadillac, Austin, Volkswagen 1600 (Zé do Caixão), Galaxie, Gordini e Dodge Dart, os esportivos Porsche, MP Lafer e Karmann Ghia, além de Jipes militares, Corcel, Opala, Passat, Chevette e Fuscas encantaram o público e os ‘antigomobilistas’ que visitaram a exposição. 
 O grupo de Rio das Ostras ‘Kms Rodados’ não perdeu a oportunidade de se confraternizar com outros colecionadores
Prestigiando o evento, o secretário municipal de Administração, José Carlos Cunha, apresenta duas preciosidades na exposição
Para Leonardo Campos, um dos organizadores da exposição, a edição de 2014 foi um sucesso. “É muito bom ver a cidade cheia de pessoas por causa de um evento que ajudei a realizar, porém o mais bacana é ver os amigos, com sorriso no rosto, virem de longe para prestigiar um evento na nossa cidade”, comentou Leonardo.

O grupo de Rio das Ostras ‘Kms Rodados’ não perdeu a oportunidade de se confraternizar com outros colecionadores, e veio para Teresópolis trazendo nada menos que nove carros antigos. “A exposição está maravilhosa. A qualidade dos veículos expostos está muito boa e estamos satisfeitos em participar, pela primeira vez, do evento aqui em Teresópolis”, comentou Gilvan Senji.

Para os curiosos também foi gratificante o passeio pela exposição. “Estou lembrando a minha infância, dos carros do meu pai e do meu tio. Está sendo tão gostoso relembrar o passado, que me sinto renovada hoje aqui”, declarou Roseli Hamati, acompanhada da amiga Vanilma Andrade, que também aprovou o evento. “Está muito bonito e bem organizado. É a primeira vez que venho e estou impressionada porque não sabia que era tão bonito”, avaliou.
 Exposição leva para avenida raridades originais e modificadas, das mais variadas marcas e estilos
Texto- Gisele Barreto
Fotos – Jeferson Hermida
Fonte-Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Esporte: Delson Pé de Chumbo vence Caio Almeida por finalização na luta mais esperada da Guerra Galáctica em Teresópolis

Prezados,
Repassamos, para conhecimento e divulgação.

Assunto: Esporte: Delson Pé de Chumbo vence Caio Almeida por finalização na luta mais esperada da Guerra Galáctica.

Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Teresópolis 
(21) 3641-5507


Olá,

Segue sugestão de pauta sobre o maior torneio absoluto de Jiu-Jitsu do Brasil, Guerra Galáctica, que foi realizado neste fim de semana em Teresópolis, no Pedrão.

Caso precisem de mais alguma informação, por favor entre em contato.
Delson Pé de Chumbo (Pitbull) impõe seu jogo contra Caio Almeida (Ryan Gracie Team) na luta mais esperada da Guerra Galáctica

Delson Pé de Chumbo vence Caio Almeida por finalização na luta mais esperada da Guerra Galáctica

Maior torneio absoluto de Jiu-Jitsu do Brasil reuniu atletas de alto nível neste fim de semana em Teresópolis

Teresópolis é conhecida como a casa da Seleção, mas neste fim de semana a cidade serrana pendurou as chuteiras e abriu as portas para o Jiu-Jitsu, recebendo o maior torneio absoluto do Brasil, no Ginásio Pedro Jahara. O evento reuniu mais de 150 atletas de alto nível e a premiação para os campeões chegou a R$11 mil. Na luta profissional mais esperada da noite de domingo, 28, na categoria pesada da faixa preta, o teresopolitano Delson Pé de Chumbo, da equipe Pitbull, venceu o paulistano Caio Almeida, da equipe Ryan Gracie, por finalização após aproximadamente três minutos de luta.

“Eu estava confiante, sabia que a luta seria dura e que enfrentaria um campeão mundial. Estou focado e treinando bastante, vim sabendo o que ia fazer. Meu objetivo era finalizar e consegui. O Caio é ótimo, faz guarda bem pra caramba, mas eu pude parar o jogo dele e impor o meu”, explica Pé de Chumbo. Com a casa cheia e a torcida ao seu favor, o vencedor declara a vontade de lutar mais vezes em Teresópolis: “A torcida atuante ajudou muito, estou extremamente feliz e quero lutar sempre aqui na minha cidade, com essa galera toda”, comemora.

Caio Almeida percebeu a torcida a favor do seu adversário, mas garante que isso não o influenciou. “Estou numa fase muito boa e estava muito tranquilo, com o apoio da família, de amigos e dos meus alunos. Amei lutar em Teresópolis, as pessoas são bem receptivas e fui muito bem tratado. Eu fui derrotado pelo ‘o cara’. Sou fã do Pé de Chumbo e assisto às lutas dele há muito tempo”, declara. Sobre as dificuldades encontradas durante o confronto, o paulistano explica: “Vim para vencer, mas não consegui colocar minha melhor posição, que é a meia guarda. Não pude esconder minha mão entre as pernas dele para fazer as transições de lapela e a raspagem. Ele matou muito bem meu ombro, passou minha guarda. Ele foi tão bem que não me deixou colocar meu jogo”.

Quando o assunto é revanche, Caio é direto: “Por que não? A organização da competição foi nota 10 e não deixou a desejar pra nenhum evento top de linha. A Guerra Galáctica veio para ficar, quero muito manter meu nome aqui e estou disposto a lutar novamente”. E Pé de Chumbo se coloca disponível para um segundo confronto: “Aceito uma revanche na hora que o Caio quiser”.

O evento arrecadou 160kg de alimento, que serão doados a instituições de caridade da cidade. O organizador Rodrigo Di Blazio está muito satisfeito com a realização da competição, que ainda contou com homenagem aos mestres do Jiu-Jitsu, apresentação de crianças de projetos sociais e lutas de demonstração de atletas femininas e paradesportivos. “O objetivo era valorizar os atletas e elevar o nome do Jiu-Jitsu, e conseguimos. Quero agradecer a todos os presentes e pedir que passem a ideia da Guerra Galáctica adiante para que, em um futuro próximo, possamos realizar esse torneio com entrada gratuita. É um evento caro e já começamos a campanha de arrecadação coletiva de verba para a segunda edição. Comprem as camisetas da Guerra Galáctica (saiba como no site oficial www.guerragalacticabjj.com.br) e ajudem a valorizar o esporte em Teresópolis”, comenta Di Blazio.
Delson Pé de Chumbo (Pitbull) vence Caio Almeida (Ryan Gracie Team) por finalização após três minutos de luta
 Delson Pé de Chumbo recebe placa de homenagem das mãos do vereador Maurício Lopes
Vencedores dos ‘Desafios’ Galácticos

As luta casadas, chamadas de ‘Desafios Galácticos’, trouxeram atletas profissionais de alto nível para oferecer um espetáculo à parte na Guerra Galáctica. Confira os vencedores:

Kitner Mendonça (Ryan Gracie Team)
André Bastos (Nova União)
Tiago Gaia (GF Team)
Luís Gabriel Venturino (Gordo JJ)
Rafael Cordeiro (Nova União)
Marcos Vinícius Morcego (GFTeam)
Rafael Maciel (Pitbull)
Delson Pé de Chumbo (Pitbull)

Conheça todos os guerreiros campeões das categorias leve e pesada nas faixas preta, roxa, azul e preta

O segundo dia de Guerra Galáctica recebeu, além das lutas profissionais, os combates finais, definindo os vencedores das categorias leve e pesada, nas faixas azul, roxa, marrom e preta. Confira abaixo os campeões:

Azul Leve: Jackson Rubens Pinheiro (Ryan Gracie Team)
Azul Pesada: Vinícius Ferreira (Manimal)
Roxa Leve: Eduardo Vieira (Checkmat)
Roxa Pesada: Rudson Mateus Sarmento (Game Fight)
Marrom Leve: Matheus Guilherme da Costa (Gracie Humaitá)
Marrom Pesada: Victor Hugo Honorio (GFTeam)
Preta Leve: Leonardo Fernandes (Brazilian Top Team)
Preta Pesada: Alberto Ramos (GFTeam)
Crianças de projetos sociais se apresentam na Guerra Galáctica Brazilian Jiu-Jitsu
Finalistas da faixa roxa, peso pesado, se enfrentam na Guerra Galáctica
(Fotos: Claudia Rezende)
Att.,
Claudia Rezende
Assessoria de imprensa
(21) 97403-8118

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Informe CRT ( Concessionária Rio-Teresópolis ) - BR-116/RJ TEM TRÁFEGO EM PARE E SIGA ENTRE OS QUILÔMETROS 74 E 89

Prezados,
Repassamos, para conhecimento e divulgação.​
Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Teresópolis 
(21) 3641-5507
Concessionária Rio-Teresópolis (CRT)

BR-116/RJ TEM TRÁFEGO EM PARE E SIGA ENTRE OS QUILÔMETROS 74 E 89

A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) avisa aos usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) que a realização de serviço de restauração do pavimento entre os quilômetros 74 (Fischer) e 89 (Soberbo) deixa o tráfego em meia-pista neste trecho com sistema de pare e siga mantido por 24 horas.

As interdições serão alternadas nos dois sentidos da via, feitas a cada 1.300 metros, de forma contínua, sendo mantida uma faixa de tráfego para garantia do fluxo. A previsão é de que esta medida dure cerca de oito meses.

O serviço teve início no último dia 23 e permanecerá até maio de 2015, estando prevista a liberação no período das festividades de fim de ano, Natal e Ano Novo. Os veículos que seguem do Rio de Janeiro para Teresópolis não são afetados pela intervenção, já que não há interferência no acesso principal à cidade.

A Concessionária Rio Teresópolis pede a compreensão de todos os usuários, pois os transtornos causados são decorrentes de obras que objetivam a reestruturação do pavimento e, principalmente, o conforto e segurança para todos que utilizam a via.

A CRT pede, ainda, aos motoristas para que dirijam com maior cautela ao passarem pelo trecho indicado, onde há sinalização e equipes da concessionária atuando na orientação dos usuários. Outras informações podem ser obtidas pelos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

Rio de Janeiro, 26 de setembro de 2014.
Assessoria de imprensa da CRT
Simone Botelho – 98637-4867

Inauguração do Centro Administrativo de Teresópolis dia 30/09/14

Inauguração do Centro Administrativo de Teresópolis dia 30/09/14
Prezados,

Segue convite para a inauguração da obra de reforma do Centro Administrativo Celso Dalmaso na próxima terça-feira, dia 30 de setembro, às 9h.
Endereço: Av. Feliciano Sodré, 611, Várzea.

Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Teresópolis 
(21) 3641-5507

22º Salão Nacional da Primavera de Teresópolis tem noite de premiação nesta sexta

22º Salão Nacional da Primavera de Teresópolis tem noite de premiação nesta sexta
22º Salão Nacional da Primavera tem noite de premiação nesta sexta

Teresópolis, 26 de setembro de 2014 - Será realizada nesta sexta-feira, dia 26 de setembro, às 19h, na Casa de Cultura Adolpho Bloch (Praça Juscelino Kubitschek, Araras), a solenidade de entrega da premiação aos vencedores do 22º Salão Nacional da Primavera. Promovido pela Sociedade dos Artistas de Teresópolis - Soarte, em parceria com a Prefeitura, através da Secretaria de Cultura, o salão deste ano conta com a participação de cerca de 100 obras, entre pinturas, desenhos e esculturas.

O 22º Salão da Primavera foi aberto à visitação no último sábado, 20 de setembro, e conta com obras confeccionadas por artistas plásticos de Teresópolis, Rio de Janeiro e Cabo Frio, entre outros municípios do estado. Os trabalhos inscritos foram avaliados ao longo desta semana pela comissão julgadora, que selecionou as obras tendo como base critérios como qualidade técnica e criatividade. E nesta sexta, 26 de setembro, os melhores trabalhos serão premiados com medalhas de ouro, prata e bronze, além de receber menções honrosas. Na ocasião, será entregue ainda a premiação aos vencedores do 7º Concurso Nacional de Poesia, também promovido pela Soarte, com tema livre e dividido entre as categorias adulto e juvenil.

Com montagem do coordenador de exposições da Secretaria de Cultura, Ricardo Guarilha, os trabalhos do 22º Salão da Primavera podem ser vistos até o dia 11 de outubro, de segunda a sábado, das 10h às 18h, na Casa de Cultura.

“Será uma noite de gala, à altura da tradição e dos artistas que integram a Soarte, uma das mais tradicionais entidades de Teresópolis com dedicação às artes plásticas. O Salão da Primavera deste ano conta com trabalhos de excelente qualidade e merece o prestígio do público”, comenta o Secretário de Cultura, Arnaldo Almeida.

Texto: Geórgia Jahara
Arte e-banner: Ricardo Guarilha
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Xuxa doa sangue e convida amigos para aumentar doações

Xuxa doa sangue e convida amigos para aumentar doações
GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Núcleo de Imprensa
Rio de Janeiro, 25 de setembro de 2014

Xuxa doa sangue e convida amigos para aumentar doações

Hoje à tarde, o Hemorio, que vai completar 70 anos no fim do mês, recebeu a visita da apresentadora Xuxa Meneghel, que esteve na unidade para doar sangue. Preocupada com a queda no número de doações e esperando estimular a população para a importância do ato de cidadania e solidariedade, ela lançou a campanha “Vem Comigo”, inspirada nos mesmos moldes do desafio do balde de gelo, que sensibilizou milhões de pessoas após a adesão de famosos. Após doar, Xuxa gravou um vídeo convocando outros famosos para seguir o exemplo e comparecer ao Hemorio para a doação de sangue.

- Doar sangue é muito simples e seguro. O sangue é insubstituível e, muitas vezes, a única esperança para muitos pacientes que precisam. Por isso, hoje estou aqui para iniciar uma campanha. Imagine se cada um de nós chamasse cinco amigos para doar sangue? Então quero convidar Victor, Léo, Tiago Abravanel, Ivete Sangalo e Junno Andrade. Venham doar sangue também! Se cada um de nós vir e desafiar mais cinco pessoas, teremos milhares contribuindo para o aumento dos estoques e ajudando a assegurar um direito primordial, que é o direito à vida – explicou Xuxa.

É a segunda vez que Xuxa doa sangue no Hemorio. A primeira vez foi em 2008 em solidariedade às vítimas da dengue, quando a cidade vivia uma grande epidemia. Na época, incentivados pela presença de artistas e formadores de opinião, a população procurou as diversas unidades de coleta no Estado, triplicando a quantidade de bolsas no estoque e a produção de plaquetas, essenciais no tratamento da doença. Xuxa também visitou diversas crianças internadas na pediatria que realizam tratamento de doenças hematológicas, surpreendendo os pacientes.

Apesar das diversas campanhas, a população não doa sangue frequentemente. De acordo com dados do Ministério da Saúde, menos de 2% dos brasileiros possuem o hábito regular da doação. Estima-se que a cada dois segundos, algum paciente necessite de transfusão de sangue no Brasil e 1 a cada 5 pacientes internados necessitarão de transfusão. 

- Se dobrássemos o número de doadores fidelizados no Brasil, os hemocentros manteriam seus estoques em níveis adequados, mas infelizmente a falta de informação é um dos fatores que mais comprometem esse crescimento, pois o desconhecimento gera medos infundados, como o risco de contrair doenças – explica a diretora geral do Hemorio, Simone Silveira.
70 anos Hemorio - O Hemorio, que distribui sangue para cerca de 180 unidades de saúde em todo o Estado, chega os seus 70 anos com o orgulho de ser uma unidade pública modelo de excelência, contribuindo para a construção de políticas públicas e reforçando seu papel de liderança no cenário nacional na área de hematologia e hemoterapia.

A unidade recebe uma média de 350 doadores voluntários de sangue por dia. Além disso, possui 83 leitos de internação e cerca de 10 mil pacientes ativos, que realizam tratamento de doenças como leucemia, linfomas, hemofilia e anemia falciforme, entre outras.

Como doar - Para ser um candidato à doação de sangue é necessário estar bem de saúde, ter entre 16 e 69 anos (jovens com 16 e 17 anos só podem doar com autorização dos pais e/ou responsáveis), pesar mais de 50 quilos e trazer um documento de identidade com foto (original). Não é necessário estar em jejum. Basta não ter bebido álcool nas últimas 12 horas e comidas gordurosas nas 4 horas que antecedem a doação. Todo material é descartável, portanto, não existe o risco de contrair doenças doando sangue.

O Hemorio funciona todos os dias (inclusive sábados, domingos e feriados), das 7 às 18 horas e fica na Rua Frei Caneca, 8 – Centro. Para esclarecimento de dúvidas em relação à doação, o Hemorio disponibiliza o Disque-Sangue (0800 282 0708), que informa o endereço das demais 26 unidades de coleta no Estado e também realiza o agendamento de grupos.
Fotos em anexo (crédito: Divulgação SES)
Fonte:Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Câmara se mobiliza para incluir Teresópolis na campanha mundial de conscientização sobre a Síndrome Alcoólica Fetal

Câmara se mobiliza para incluir Teresópolis na campanha mundial de conscientização sobre a Síndrome Alcoólica Fetal
Câmara se mobiliza para incluir Teresópolis na campanha mundial de conscientização sobre a Síndrome Alcoólica Fetal

O vereador Dr. Antônio Francisco entregou na manhã desta quinta-feira, 25.09, o Voto de Congratulações ao médico José Mauro Braz Lima, doutor em neurologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e especialista, no Brasil e no exterior, sobre a Síndrome Alcoólica Fetal (SAF).

A data marcou, também, o início para a mobilização da Câmara Municipal em criar um Projeto de Lei incluindo Teresópolis na campanha mundial de conscientização sobre a síndrome no dia nove de setembro. Segundo o médico, todo o ano, desde 2000, a Organização Mundial de Saúde e outras entidades no mundo organizam o movimento nesta data. No Rio de Janeiro, há o dia municipal e o estadual ficou estabelecido o dia 15 de setembro.

“Eu espero o apoio da Câmara, com certeza sensibilizada com as condições de impacto deletério, não só do álcool, mas das drogas, sobre a criança. O consumo de álcool durante a gravidez precisa ser minimizado. Aqui em Teresópolis, como em qualquer canto do país, há quatro crianças nascendo a cada hora com Síndrome Alcoólica Fetal”, alertou o médico.

Ele explicou que as crianças com SAF não se desenvolvem, têm dificuldades na aprendizagem e até distúrbio de comportamento, entre outros aspectos relevantes. O médico mostrou o cartaz da campanha deste ano e destacou a importância de Teresópolis participar desta conscientização sem muito custo.

Para José Mauro Lima, é necessário o apoio das entidades médicas e do poder público para conscientizar não somente as mulheres em período de gravidez, mas a família e toda a sociedade de que o álcool coloca em risco seriamente a vida do bebê.

“Não há dose mínima segura de consumo. Não deve tomar bebida nenhuma. Sempre ocorre um risco de sério comprometimento”, afirmou.

Fonte:Câmara Municipal de Teresópolis

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Alunos da Rede Municipal de Teresópolis participam de seminário sobre Basquete Adaptado

Alunos cadeirantes da Rede Municipal participam do jogo de Basquete Adaptado no CEROM
Alunos da Rede Municipal participam de seminário sobre Basquete Adaptado

Teresópolis, 24 de setembro de 2014 - Objetivando a inclusão social, a informação e a maior oportunidade de acesso a bens e serviços, o Departamento de Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação (SME), em parceria com o SESC Teresópolis, ofereceu aos alunos da rede municipal de ensino um seminário sobre Basquete Adaptado. Realizado no Centro Educacional Roger Malhardes, no bairro de São Pedro, o evento reuniu alunos do 8° ano do Cerom e estudantes cadeirantes da rede municipal de ensino.

“Nosso objetivo aqui não é apenas promover o conhecimento sobre o basquete adaptado, mas proporcionar uma grande recreação para nossos alunos cadeirantes que se conheceram hoje, já que estudam em escolas diferentes, participaram da palestra junto aos alunos do 8° ano e depois tiveram a oportunidade de brincar com a bola na quadra. O trabalho de inclusão social não é apenas para quem tem necessidades especiais, mas também para o público em geral, que passa a conhecer mais essa realidade”, explicou Maria Eliza Deister, do Departamento de Educação Especial da SME.

O projeto “Inclusão Social a partir do Basquete Adaptado” nasceu por iniciativa da então estudante de fisioterapia, Maryana da Fonte Pimentel. Na época, ela resolveu avaliar a influência do basquete adaptado nos deficientes físicos e facilitar o acesso à prática da modalidade, visando encorajar alterações comportamentais que levassem à melhoria da qualidade de vida dessas pessoas.

“Através do estágio no Posto de Saúde, começamos a recrutar cadeirantes como o Rosivaldo, aluno da EJA (Educação de Jovens e Adultos), que não saía de casa há oito anos. Depois do acidente que o transformou em cadeirante, ele achava que não teria mais uma vida normal e chegou a doar todas as suas roupas. Através do Basquete Adaptado, conseguimos reintegrá-lo à sociedade e hoje ele pega até ônibus sozinho”, relatou Maryana.
Alunos da Rede Municipal de Teresópolis participam de seminário sobre Basquete Adaptado
A fisioterapeuta Maryana da Fonte Pimentel é uma das coordenadoras do projeto
Alunos, portadores de necessidades especiais ou não, participam do seminário
Durante o seminário, os estudantes viram como o esporte pode ser uma ferramenta valiosa para muitos se reintegrarem no mercado de trabalho, e que isso é fundamental para o desenvolvimento da sociedade. O servidor municipal cadeirante Irineu Issamu Asso, um dos coordenadores do projeto, lembrou como o Basquete Adaptado pode melhorar a auto-estima dos deficientes e promover a inclusão deles na sociedade, através do esporte.

“Queremos aproveitar esse espaço, conseguido em parceria com a Secretaria de Educação e com o SESC, para divulgar a existência desse esporte para os alunos da rede e mostrar como ele pode trazer benefícios para a vida de quem pratica. Muitas vezes, as pessoas veem na TV, leem no jornal, mas não sabem que em Teresópolis nós temos esse projeto”, ressaltou Irineu.

Maria Julia Lima, aluna da Escola Municipal Maçom Lino Oroña Lema, da Tijuca, já participou do projeto e destacou como ele é positivo para quem está envolvido com o esporte. “O Basquete Adaptado é uma maravilha pra todo mundo. Faz muito bem pra cabeça, você conhece outros cadeirantes, estimula todo mundo a brincar, é uma verdadeira festa”, elogiou a aluna.
A aluna Maria Julia Lima, da Escola Municipal Maçom Lino Oroña Lema, aprova a iniciativa
Texto e fotos – Marcelo Ferreira
Fonte-Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Semana Municipal de Trânsito é aberta em Teresópolis

População visita a exposição de fotografias com vítimas reais de acidentes no trânsito montada na Praça da Matriz de Santa Teresa
Semana Municipal de Trânsito é aberta em Teresópolis
Guardas Municipais participam de Mostra de Saúde em São José do Vale do Rio Preto

Teresópolis, 23 de setembro de 2014 - Para envolver a sociedade na busca de um trânsito mais seguro, a Prefeitura de Teresópolis, através da Secretaria de Segurança Pública, deu início nesta terça-feira, 23, à Semana Municipal de Educação para o Trânsito 2014. Tendo como tema "Conscientização da prioridade dos portadores de necessidades especiais, idosos e pedestres”, uma exposição de fotografias com vítimas reais de acidentes no trânsito foi montada na Praça Balthasar da Silveira, a da Matriz de Santa Teresa, na Várzea. Os agentes da GM também realizaram atividades educativas no município vizinho de São José do Vale do Rio Preto.

A mostra ficará exposta até esta sexta-feira, 26 de setembro, das 11h às 17h, quando encerram-se as atividades da Semana de Educação no Trânsito. Este ano, além das fotos, a Secretaria levou uma novidade para a praça: um quadro onde qualquer pessoa pode escrever frases sobre segurança no trânsito. As melhores citações serão selecionadas e utilizadas na próxima campanha, em 2015. Agentes da Guarda Municipal fazem a distribuição de material educativo e orientam a população nas questões do trânsito.

Segundo o secretário da pasta, Marcos Antônio da Luz, a atual gestão tem priorizado ações voltadas para melhorar não só a fluidez do trânsito, mas principalmente para preservar vidas com atividades educativas. “Este tipo de iniciativa tem contribuído para educar a população, além dos mais diversos segmentos sociais da cidade. Investimos em ações impactantes, como as fotos, para conscientizar motoristas e pedestres sobre a importância de respeitar as leis de trânsito. Fruto deste esforço, a estimativa é de que o número de acidentes no trânsito seja reduzido ao máximo no nosso município”, ressaltou Da Luz.

Para o agente da Guarda Municipal, Michel Santana, que está coordenando as atividades, a campanha serve para sensibilizar a população de que a vida sempre é a parte mais frágil que circula no trânsito. “Dos materiais envolvidos num acidente, o corpo é o mais frágil, por isso a necessidade de promover a reflexão de pedestres, ciclistas, motoristas e motociclistas sobre a realidade do trânsito brasileiro e os perigos que existem”, disse.
O pastor evangélico Waldir Francisco de Paula destacou a importância da Semana Nacional de Trânsito em Teresópolis
A estudante Camila Gonçalves e o vendedor Denílson Costa aprovaram a iniciativa da Prefeitura
Guardas Municipais participam de Mostra de Saúde em São José do Vale do Rio Preto

O trabalho de conscientização sobre Educação no Trânsito também foi realizado pelos guardas municipais da Secretaria M. de Segurança Pública de Teresópolis na cidade de São José do Vale do Rio Preto no último sábado, 20. Os agentes da GM apresentaram uma palestra na I Mostra de Saúde da Família e participaram ainda, em parceria com o Gravit (Grupamento de Resgate Anjos da Vida de Teresópolis), de uma simulação de socorro as vítimas de acidente envolvendo motocicleta.

Promovido pela Secretaria de Saúde do município vizinho, na quadra da Estação, o evento teve o objetivo de levar até a população conhecimentos básicos sobre vários assuntos relacionados ao tema.

A palestra dos guardas municipais Santana e De Souza teve como tema ‘O comportamento do pedestre e do condutor no trânsito na contemporaneidade’. “Falamos sobre a importância de respeitar as regras de trânsito e sobre o estresse do cotidiano, que faz com que as pessoas cometam infrações, causando acidentes que muitas vezes são fatais”, ressaltou Santana.

Os agentes também participaram de uma simulação de socorro à vítima de acidente envolvendo motocicleta, em parceria com o Gravit (Grupamento de Resgate Anjos da Vida de Teresópolis). Os guardas mostraram como é a atuação deles nestes casos. “Nós isolamos o local do acidente, desviamos o trânsito se necessário, acionamos o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar e aguardamos o término do atendimento das vítimas para liberar o trânsito no local”, explicou Santana.

A programação contou ainda com atividades que abordaram sustentabilidade, agricultura familiar, reciclagem, epidemias de verão, drogas lícitas e ilícitas, saúde bucal, saúde da criança, da mulher, do homem e do Idoso. Roda de capoeira e show com a banda Maria And The Blues também fizeram parte das atividades. ​
Agentes da GM de Teresópolis participam de simulação de socorro a vítimas de acidente envolvendo motocicleta em São José do Vale do Rio Preto
Os agentes da GM apresentaram uma palestra na I Mostra de Saúde da Família em São José do Vale do Rio Preto
População

“Esse tipo de ação é importante para que todos tenham consciência de que, na maioria das vezes, somos pedestres. As pessoas têm que ser mais cuidadosas e se colocarem no lugar das outras para tentar reduzir essa violência no trânsito”, enfatizou o vendedor Denílson Costa, parabenizando a Prefeitura de Teresópolis pela iniciativa.

O pastor evangélico Waldir Francisco de Paula também destacou a importância da Semana Nacional de Trânsito. “Acho importante ter uma semana em Teresópolis dedicada à educação no trânsito, porque a gente vê tantos acidentes que acontecem por causa da imprudência e da falta de consciência de algumas pessoas que não respeitam as leis”, comentou.

Para a estudante Camila Gonçalves a ação é válida. “Apesar dos avanços alcançados, como o carro parar para o pedestre atravessar na faixa de segurança, ainda temos que realizar mais campanhas educativas para os motoristas e também para os pedestres, que alguns ainda insistem em desafiar os carros nas travessias”, disse, relatando que atravessa sempre na faixa, mas observando os carros porque alguns motoristas não obedecem.
Texto – Gisele Barreto
Fotos – Vanusa Lima e divulgação
Fonte-Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Instituto do Cérebro promove I Simpósio Internacional de Cirurgia de Epilepsia no Rio de Janeiro

Instituto do Cérebro promove I Simpósio Internacional de Cirurgia de Epilepsia no Rio de Janeiro
GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Núcleo de Imprensa
Rio de Janeiro, 24 de setembro de 2014

Instituto do Cérebro promove I Simpósio Internacional de Cirurgia de Epilepsia

Neurocirurgia com técnica inédita na rede estadual será realizada durante evento

O Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer promove, até o próximo sábado (27/9), o I Simpósio de Cirurgia da Epilepsia. No evento, que reúne especialistas do Brasil e do exterior, serão discutidas as principais técnicas e avanços no tratamento de casos do transtorno neurológico que acomete milhões de pessoas no mundo. 

Nesta quarta-feira (24/9), no auditório do Centro de Estudos e Pesquisas do Envelhecimento (Cepe), na Gávea, foram abordados temas como os avanços no tratamento farmacológico das epilepsias, a depressão nos casos da doença e procedimentos de estimulação cerebral profunda.

No último dia do evento, será realizada uma neurocirurgia ao vivo, com o uso de uma técnica inédita na rede estadual de saúde chamada Hemisferotomia Funcional, que contará com a participação do especialista Hélio Rubens.

– Estamos debatendo uma série de temas atuais relacionados à doença. Uma das novidades que estamos trazendo é a cirurgia de Hemisferotomia Funcional. É a primeira vez que ela será feita no Estado do Rio. É uma cirurgia muito complexa. Após o procedimento realizado, faremos outras três cirurgias em crianças ao longo do mês – explicou o coordenador do Centro de Epilepsia do Instituto Estadual do Cérebro, Eduardo Faveret. 

No dia 27 de setembro, será realizado ainda um curso compacto sobre a técnica avançada de detecção do foco epilético em casos complexos. A capacitação será ministrada pelo neurocirurgião da Cleveland Clinic, Jorge Álvaro Gonzalez Martines.

Samar Duarte, de 35 anos, mãe de Davi dos Santos Othero, de 5 anos, diagnosticado com Síndrome de Dravet há dois anos, assistiu a uma das palestras realizadas nesta quarta-feira. Seu filho recebe atendimento no Instituto do Cérebro.

– Acredito que o simpósio tem um papel fundamental, porque este tipo de evento pode gerar uma troca de informações e experiências, resultando em novas pesquisas para ajudar pessoas que têm epilepsia – disse Samar.

Evento marca um ano do Instituto do Cérebro

O Simpósio Internacional de Cirurgia de Epilepsia marca o primeiro ano de funcionamento do Instituto do Cérebro Paulo Niemeyer, que é referência nacional em neurocirurgia, com mais de mil procedimentos realizados até o momento. O centro de epilepsia da unidade já realizou os mais variados tipos de cirurgias existentes no mundo.

Foto: Salvador Scofano
Fonte:Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Museu da Imagem e do Som do Rio terá novo projeto arquitetônico

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Núcleo de Imprensa
Rio de Janeiro, 24 de setembro de 2014

Museu da Imagem e do Som terá novo projeto arquitetônico
Concurso vai selecionar projetos de requalificação para a unidade da Lapa

O edifício do Museu da Imagem e do Som, localizado na Lapa, região central da cidade, passará por reforma e ganhará um novo nome, MIS PRO. A escolha do projeto de requalificação espacial e funcional será feita por meio de um concurso nacional, promovido pela Secretaria de Cultura, com organização do Departamento Rio de Janeiro do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-RJ). As inscrições para o concurso foram abertas nesta quarta-feira (24/9) e vão até o dia 31 de outubro.

A ideia é tornar o museu uma referência internacional de cultura, junto com o MIS de Copacabana, formando assim um grande complexo museológico. O projeto arquitetônico para a construção para o museu de Copacabana, que tem previsão para ficar pronto no primeiro semestre de 2015, também foi escolhido por meio de um concurso, embora de abrangência internacional.

O edital está disponível no site concurscomispro.iabrj.org.br. Já o prazo para a entrega dos projetos é até o dia 24 de novembro. Todos passarão pela análise de um grupo de jurados. O resultado está previsto para sair no dia 19 de dezembro. O primeiro colocado ganhará R$ 50 mil, mais o direito de realizar o projeto do MIS. O segundo e o terceiro lugar receberão R$ 30 e R$ 20 mil, respectivamente.

O prédio na Avenida Atlântica, em Copacabana, terá exposições, programação cultural e programas educativos para atrair o grande público. Já o MIS PRO, na Lapa, abrigará a reserva técnica, os laboratórios, os acervos, projetos de pesquisa e exposições menores. Ele será voltado para a produção de conhecimento a partir do acervo do MIS.

A presidente da Fundação Museu da Imagem e do Som, Rosa Maria Araujo, disse que no novo prédio, na Lapa, estarão todas as raridades do acervo.

- O IAB nos garante que o concurso arquitetônico para o MIS PRO irá superar todas as nossas expectativas técnicas e culturais. No novo prédio ficarão, cuidadas de forma adequada e moderna, as pérolas e raridades do acervo do museu, como partituras de Pixinguinha, fotos de Augusto Malta, discos de Elizabeth Cardoso e cadernos de Nara Leão - afirmou Rosa Maria.

Segundo a vice-presidente de relações socioculturais do IAB-RJ e coordenadora da competição, Cêça Guimaraens, a realização de um concurso nacional vai permitir uma maior integração dos jovens com a Lapa e com o museu, além de democratizar o acervo.

- Queremos aproximar os jovens de todo o material sonoro, fotográfico, cinematográfico presente no museu, para que eles possam comparar com o que existe hoje. O objetivo é gerar mais conhecimento para o público por meio da democratização dos acervos - disse a coordenadora.

Fonte:Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

A primeira das nove novas barcas adquiridas pelo Estado já tem nome e deve chegar ao Rio em novembro

A primeira das nove novas barcas adquiridas pelo Estado já tem nome  e deve chegar ao Rio em novembro
GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Rio de Janeiro, 24 de setembro de 2014
Núcleo de Imprensa

A primeira das nove novas barcas adquiridas pelo Estado já tem nome e deve chegar ao Rio em novembro

A “Pão de Açúcar” vai atender aos usuários da linha Praça XV-Araribóia

As nove novas embarcações compradas pelo Governo do Estado para o sistema de transportes aquaviário do Rio de Janeiro já têm nome e data para a primeira entrega. Com 80% dos votos, o tema pontos turísticos foi escolhido pela população, que votou por intermédio do site da concessionária e de totens eletrônicos instalados nas estações Praça XV e Araribóia. A primeira barca terá o nome de “Pão de Açúcar”, que tem previsão de chegada para novembro deste ano.

Os nomes escolhidos das outras oito embarcações serão “Corcovado”, “Copacabana”, “Parque da Cidade”, “Fortaleza de Santa Cruz”, “Ilha Grande”, “Angra do Reis”, “Itacoatiara” e “Praça Araribóia”.

- A campanha fez sucesso entre os passageiros. Ao todo, foram 2.847 votos, dos quais 80% escolheram os pontos turísticos – conta a secretária estadual de Transportes, Tatiana Carius.

Em 2013, o Governo do Estado investiu R$ 273 milhões na compra de nove embarcações. Sete delas, com dois mil lugares cada uma, estão sendo fabricadas na China, pelo estaleiro China Shipping Group/ AFAI, e vão operar na linha Praça XV-Araribóia. As outras duas, com capacidade para transportar 500 passageiros, estão sendo montadas pelo estaleiro Inace, no Ceará, e farão o trajeto Mangaratiba-Ilha Grande-Angra do Reis.

Equipadas com ar-condicionado, as novas embarcações possuem janelas panorâmicas e maior espaço interno para embarque e desembarque simultâneo. Idosos e deficientes vão contar com entradas exclusivas pelas laterais.

A secretária destacou também a diminuição do tempo de viagem com a chegada das novas embarcações.

- O tempo médio de travessia Rio-Niterói, que hoje é de 18 minutos, passará para apenas 10 minutos. A chegada das novas embarcações permitirá ainda a ampliação da capacidade de fluxo de passageiros na linha Rio-Niterói de 12 mil para 24 mil usuários por hora em cada sentido, no horário de pico. 

Até 2007, o sistema de transporte aquaviário contava apenas com 19 embarcações em operação e transportava em média 62 mil pessoas por dia. Hoje são 24 barcas, incluindo 15 catamarãs e nove barcas tradicionais. Após investimentos no setor, como a reforma de estações e a ampliação da oferta de viagens, chegam a ser transportadas até 140 mil pessoas em um único dia.

Crédito fotos: Shana Reis
Fonte:Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro