Pesquisar este blog

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Obras realizadas pelo INEA no Rio Principe em Teresópolis começam a entrar em colapso com as chuvas

Rachaduras em pontes na Posse em Teresópolis RJ
Teresópolis,21 de janeiro de 2016.

Com a chegada das chuvas de verão a preocupação de moradores na beira dos rios e nas encostas aumentam. Enfrentamos um grande período de secas e poucas chuvas no ano  de 2015. Moradores não conseguem dormir com as chuvas constantes e o pesadelo aumenta com obras inacabadas ou entrando em colapso.

Trechos do Rio Principe em Teresópolis RJ onde colocaram pedras na areia começam a soltar. Também a ameaça de chuvas fortes é um pesadelo ainda maior. Segundo a própria Dimensional Engenharia a garantia das obras é de 5 anos. Mais até o momento nenhum problema trazido pela AMAPOSSE foi feito ou levado em consideração. Em reuniões com representantes da Secretaria de Estado do Ambiente tudo será solucionado. Mas até a presente data no aguardo.

A demora e anseio de ver obras prontas é o sonho de todos. Mais a burocracia,descaso de autoridades e governantes é pior.O abandono da localidade e descaso com a vida ainda é muito maior. Encostas delimitadas pelo DRM (Departamento de Recursos Minerais) continuam habitadas e essas pessoas correm um risco iminente. Casas continuam habitadas há 5 metros do Rio. Mais só quem vive na área sabe do problema e espera que novas tragédias não aconteçam.
Rachaduras nas pontesErosão em terrenos
Manilhas para escoamento fluvial que não funcionam
Pedras começam a soltar das laterias do Rio PrincipeTrechos com telas seguram lixo e pedras
Começam a aparecer rachaduras "nas chamadas pontes" (manilhões com vínculo no meio);placas de concreto do Rio começam a seder, terrenos com graves erosões,bueiros mal redimensionados onde as  águas correm na estrada em vez de ir para o rio. Bom ressaltar que esses problemas comprometem toda a obra e moradores querem soluções rápidas !
Placas começam a ceder. Problemas estruturais nas obras do rio Principe em Teresópolis RJ 
Terrenos começam a rachar
Chuvas deixam obras vulneráveis
Fotos: Terê Total

Cansados de esperar as autoridades competentes moradores da Posse e Cascata do Imbui em Teresópolis RJ colocam a mão na massa e dão um tapa na cara do descaso

INEA abandonou localidade .Funcionário de Condomínio limpa Rio Principe em Teresópolis
Cansados de esperar as autoridades competentes em melhoria da estrada para acesso dos moradores a localidade do Campo Grande em Teresópolis , a AMAPOSSE realizou ação tapa-buracos para amenizar as crateras e para que a comunidade tenha acesso ao transporte. Desde o último dia 16 de janeiro de 2016 a comunidade ficou sem ônibus da Viação Dedo de Deus. Alegam o estado da estrada que estava ruim e ficou ainda pior.

Cláudio Calixto relatou que pagamos impostos caros e necessitamos de mais apoio municipal na área. Qualquer chuva ficamos sem energia elétrica,telefone e acesso as nossas casas.
Buracos arrebentam carros na Est José Gomes da Costa Jr Teresópolis RJ
AMAPOSSE e moradores consertam estrada de acesso a localidade de Campo Grande- Posse
União para ônibus voltar a circular na localidade

Já na Cascata do Imbui em Teresópolis RJ o condomínio Santa Helena designou um funcionário para limpeza do Rio que estava tomado de mato e lixo.

Precisamos que os serviços públicos funcionem. No último final de semana até a casa do presidente da associação de moradores da Posse,Benedito Lopes,ficou sem energia elétrica mais de 29 horas. Um absurdo que aumente tanto o valor e não façam limpeza e manutenção da rede.
Falta manutenção e limpeza da AMPLA na localidade da Posse em Teresópolis RJ
Galhos na rede atrapalham e são um perigo para moradores da Posse Teresópolis RJ

Fotos: Benedito Lopes/ Louis Capelle/Terê Total

Moradores de Teresópolis temem qualquer chuva intensa e reclamam das obras inacabadas no Rio Principe

Trecho do Rio Principe próximo ao Condomínio Santa Helena em Teresópolis RJ
Moradores da Posse em Teresópolis RJ temem qualquer chuva intensa e reclamam das obras inacabadas no Rio Principe. Qualquer chuva um pouco mais forte deixa moradores preocupados. O abandono ainda aumenta o problema da região.

A indignação dos moradores têm lógica. Alguns perguntam haver discriminação de áreas e poder aquisitivo. Trechos do Rio Principe sequer foram mexidos pelo INEA. A firma Dimensional Engenharia não fez nenhum serviço no Condomínio Santa Helena e outros trechos moradores aguardam até a presente data a solução para os trechos testes que foram colocadas pedras na areia sem nenhuma manta ou cimento. Foi relatado e protocolado documentos pedindo providências pela Associação dos moradores da Posse ao INEA há anos; e nada feito ou respondido.
Trecho do Condomìnio Santa Helena na Cascata do Imbui Teresópolis RJ
Chuva do último dia 15/01/16 deixou moradores apreensivos na Cascata do Imbui Teresópolis RJ
Trecho próximo ao depósito do Flor da Posse- foto de 2015 sem tanto mato
Os moradores temem um colapso nas obras pois trechos estão afunilados e cheios de mato. Falta fiscalização e ação urgente na área. Segundo moradores locais trechos estão com placas de concreto,outro gabião e outros abandonados. 
Trecho da Posse antes das chuvas Trecho da Posse com chuva amena
Trecho próximo ao Campo Grande Posse Teresópolis
O Problema é agarrar lixo e madeira no Rio Principe
Primeiro teste no Rio Principe na Posse com chuvas intensas de 30 minutos
Fotos:Terê Total

5 anos da tragédia na Região Serrana do Rio. Teresópolis do Caos ao abandono

Encenação do viaduto da Ermitage que aguarda construção para liberação das moradias em Teresópolis
Teresópolis relembra os momentos do caos vividos na noite de 12/01/2011

Moradores de Teresópolis relembram da trágedia vivida pelas enchurradas e chuvas intensas ocorrida na madrugada de 12 de janeiro de 2011 e apesar de tudo,ainda aguardam a entrega das casas as famílias dos desabrigados na Fazenda Ermitage até o momento.Famílias continuam amparadas pelo aluguel social do município e do estado. 

A Associação das vítimas da tragédia de 2011 em Teresópolis (AVIT) realizou na data dos 5 anos ,um ato em memória as vítimas e em solidariedade aos afetados e residentes em áreas de risco. No salão paroquial da Igreja de Santa Teresa moradores e líderes comunitários relataram os problemas. Apesar da chuva na tarde de 12 de janeiro de 2016 moradores realizaram uma encenação do viaduto que ainda nem foi feito ,onde foi pedido que moradores escrevessem seus recados as autoridades. Só quem passou uma enchente,enchurrada e perdeu tudo inclusive parentes sabe o que significa.

Houve um Abraço simbólica da Praça dentro da Matriz de Santa Teresa. Foi rezado um pai nosso e realizada missa solene em memória à todos mortos e desaparecidas naquela madrugada trágica.
Demandas levantados pelos moradores no Salão paroquial da igreja de Santa Teresa
Nem a chuva impedeu o ato da AVIT em memória das vítimas tragédia de 2011Pedidos da população de Teresópolis as autoridades competentes
Missa na Igreja de Santa Teresa em memória as vitimas da tragédia de 2011
Segundo a Assesoria de Comunicação do estado do Rio, A ANTT autorizou construção de passagem subterrânea em frente ao condomínio Ermitage, em Teresópolis. A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou nesta segunda-feira (18/1) no Diário Oficial da União a autorização para a construção da passagem subterrânea para pedestres na BR 116, em frente ao condomínio Ermitage, em Teresópolis. A construção, sob responsabilidade da Secretaria de Estado de Obras (Seobras), é uma das obras de infraestrutura que permitirá a entrega das 1.600 unidades habitacionais para desabrigados das chuvas na região. A empresa vencedora da licitação já tem contrato assinado com a Seobras e aguardava somente a autorização para dar início as obras.

A próxima etapa será a assinatura de um contrato de permissão de uso da via com a CRT, concessionária que administra a rodovia, o que deve acontecer nos próximos dias. A previsão é de que as obras comecem no início de fevereiro com prazo de conclusão de 90 dias.

Segundo O Instituto Estadual do Ambiente (Inea), além de realizar obras emergenciais que totalizaram R$ 76 milhões logo após as chuvas de 2011, concluiu a primeira etapa de obras de recuperação ambiental em Petrópolis e Teresópolis. Em Petrópolis foram investidos R$ 37,1 milhões na execução de serviços de terraplanagem, obras hidráulicas para proteção de taludes e canalização dos rios Cuiabá e Santo Antonio, além da demolição de benfeitorias. Em Teresópolis, o investimento totalizou R$ 119,5 milhões para a dragagem, canalização e proteção dos taludes nos rios Príncipe e Imbuí e desassoreamento do Rio Paquequer.

Em Friburgo, as obras estão em andamento e têm previsão de conclusão em dezembro deste ano. As intervenções incluem serviços de macrodrenagem, canalização, dragagem e proteção dos taludes do Rio Bengalas. O investimento totaliza R$ 211,5 milhões. Nos três municípios também foram demolidos imóveis situados em áreas de risco de inundação e que tiveram a negociação com os proprietários concluída.

Segundo o presidente da Associação de Moradores da Granja Florestal, Cirino Santos, com muita chuva a área pode ter deslizamentos. Teresópolis apresenta várias áreas de risco. A Defesa Civil faz sua parte mais precisamos mais.

Segundo Benedito Gustavo Lopes ,da AMAPOSSE,moradores da Posse e Campo Grande reclamam do  abandono visível na área. Promessa do Parque Fluvial pelo INEA não cumprida; falta de conclusão de obras no Rio Principe. O  abandono é bem visível pelo mato que tomou conta de toda extensão do Rio e terrenos vazios.Todos temem uma chuva intensa que traga danos a localidade como entupimentos de pontes,bueiros ou outros. Um colapso total. Temos que zelar pela segurança da comunidade mais as autoridades precisam fazer sua parte. 

Parte de Teresópolis ainda vive o caos com problemas de falta de iluminação pública, serviços mal prestados de telefonia e energia elétrica. 
Serviço realizado pela Dimensional Engenharia/ INEA entrando em colapso-set 2015
Mato e abandono em toda extensão do rio Principe em Teresópolis RJ
Moradores temem entupimento das pontes
 Fotos:Terê Total

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Preocupação com o ambiente aumenta o mercado para o biólogo

Preocupação com o ambiente aumenta o mercado para o biólogo
Preocupação com o ambiente aumenta o mercado para o biólogo

Com a crescente preocupação com as questões ambientais, os biólogos ganham um papel de destaque no mercado de trabalho. O curso de Ciências Biológicas forma profissionais para atuarem na área de bioinformática, biologia de organismos aquáticos, biologia molecular, controle de pragas e vetores, genética e biotecnologia, gerenciamento costeiro, meio ambiente microbiologia, zoologia e ensino.

“O mercado de trabalho do biólogo está aquecido. O curso de Ciências Biológicas oferece graduação em Bacharelado e Licenciatura, e prepara profissionais para atuar nos campos da saúde, meio ambiente e biodiversidade e da educação (ensino básico)”, destaca o professor Carlos Alfredo Franco Cardoso coordenador do curso de Ciências Biológicas do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO).

Na avaliação feita pelo Ministério da Educação (MEC), o curso de Ciências Biológicas do UNIFESO, tanto bacharelado quanto licenciatura, obteve conceito 4 (em uma escala de 1 a 5). Outro fator de interesse dos estudantes é a situação geográfica privilegiada do Campus Quinta do Paraíso (Prata), localizado em um fragmento da Mata Atlântica com cerca de um milhão de metros quadrados, o que constitui um verdadeiro laboratório ao ar livre.

O curso de Ciências Biológicas possui convênio com unidades de conservação da cidade, e os estudantes também poderão estagiar e pesquisar na Floresta-Escola do próprio campus. O ex-aluno Raul Pisno, biólogo que atua na área de meio ambiente e biodiversidade, revelou que a vontade de estudar insetos apareceu quando fez o trabalho “Levantamento da Entomofauna do Campus Quinta do Paraíso”, ainda no segundo período. “O objetivo era ter uma ideia dos insetos que residiam no campus, tentar mensurar a abundância e até mesmo a sazonalidade do aparecimento de certas espécies”.

Outro egresso do curso do UNIFESO, Rodrigo Veloso, escolheu dirigir sua carreira para o ensino. “Ao fazer a Licenciatura em Ciências Biológicas tive a oportunidade de desenvolver competências e habilidades importantes para o magistério”, afirma Rodrigo, que hoje é professor na rede estadual de ensino.

FESO lança programa de bolsas de estudo reembolsáveis 

A Fundação Educacional Serra dos Órgãos (FESO), mantenedora do UNIFESO, está lançando para o primeiro semestre de 2016 o ProEnsino, um programa de bolsas de estudo reembolsáveis que o estudante contrata na medida de sua necessidade, sem juros.

O ProEnsino será oferecido periodicamente em edital para os cursos de graduação do UNIFESO e pode ser contratado pelo estudante desde que atendidas as normas do programa. O contrato pode ser feito no valor de 10% até no máximo de 50% da mensalidade.

Quando termina o período do contrato o estudante começa a pagar o mesmo percentual contratado, e pelo mesmo período, sobre o valor da mensalidade vigente na ocasião. O ProEnsino não tem amortização durante o período do contrato nem juros quando da restituição: o valor devido é apenas atualizado pela mensalidade em vigor no momento do pagamento. Também não há envolvimento de instituição financeira ou intermediário, o contrato é feito diretamente pelo estudante com a FESO.

Para demonstrar as vantagens do programa, na página do ProEnsino no site do UNIFESO foi disponibilizado um simulador em que o estudante informa a mensalidade de seu curso e o percentual que deseja contratar do programa, e recebe não só uma projeção dos valores da restituição mas também de quanto custaria o mesmo contrato em agente financeiro, o que inclui a cobrança de juros e outras taxas que o ProEnsino não tem. O edital para o primeiro semestre de 2016 bem como o regulamento do programa e outras informações para a contratação já estão disponíveis no site do Centro Universitário.

Vestibular de Verão ainda tem vagas

O Vestibular Agendado do UNIFESO está com inscrições abertas. Informe-se:
Vestibular e acesso pelo ENEM: (21) 2641-7006 ou <vestibular@unifeso.edu.br>

PROENSINO E FIES: (21) 2641-7118 e <beneficios@unifeso.edu.br>

PROUNI: (21) 2641-7144 e <gsecd.prouni@feso.edu.br>

Todos os editais e outras informações estão disponíveis em www.unifeso.edu.br

Fonte:GECOM - Jornalismo UNIFESO

Troca de comando do 30º BPM de Teresópolis

Autoridades civis, judiciárias e militares, representantes da tropa e de entidades participam da passagem de comando do 30º BPM
Troca de comando do 30º BPM conta com presença de autoridades civis, judiciárias e militares

Teresópolis, 20 de janeiro de 2016 – O prefeito Márcio Catão, acompanhado dos secretários de Governo, Alex Castellar, e de Segurança Pública, Marcos Antonio da Luz, participou, nesta terça-feira, 19, da solenidade de passagem de comando do 30º BPM (Batalhão de Polícia Militar). Autoridades judiciárias e militares de diversos batalhões também estiveram presentes, assim como representantes do 16º GBM (Grupamento de Bombeiro Militar), de entidades e de conselhos municipais. Na ocasião, o cel. Maia transmitiu o cargo de comandante da corporação de Teresópolis para o tenente-coronel PM Robson Marcelo Vaz Nunes Rodrigues.

“Hoje me despeço deste período de um ano e oito meses em que estive à frente desta corporação, destacando muito trabalho e vitórias, tanto no sentido operacional quanto no administrativo. Agradeço a parceria das delegacias da região e do Ministério Público Estadual e, em especial, à tropa, que trabalhou com empenho, lealdade e profissionalismo”, ressaltou cel. Maia em seu discurso de despedida.

A cerimônia foi presidida pelo cel. PM Marcelo da Silva Quinhões, comandante do 7º CPA (Comando de Policiamento de Área) e contou com a leitura dos atos de exoneração e de nomeação dos oficiais. Além disso, o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher prestou uma homenagem ao cel. Maia pelo tratamento dispensado ao público feminino.
Cel. Maia em discurso de despedida da corporação de Teresópolis
Prefeito Márcio Catão dá as boas-vindas ao novo comandante do batalhão, ten-cel PM Robson

Premiação ​trimestral ​PM

Nesta quarta-feira, 20, o secretário municipal de Segurança Pública, Marcos Antonio da Luz, participou da cerimônia de premiação dos policiais militares que mais se destacaram na execução do serviço no último trimestre de 2015. Promovida pelo comando do 30º Batalhão da Policia Militar, a solenidade aconteceu no teatro do Sesc/Teresópolis e reuniu autoridades civis e militares.

Cerca de 30 profissionais receberam a certificação que tem como objetivo expressar o reconhecimento daqueles que se empenham para realizar um serviço eficiente, qualificado e transparente, respeitando as normas e doutrinas da corporação.
Comandante do 30º Batalhão da PM, ten-cel PM Robson, faz a entrega dos certificados de reconhecimento ​aos policiais em destaque
 Secretário municipal de Segurança Pública, Marcos Antonio da Luz, participa da cerimônia de premiação da 30º Batalhão da PM
Fotos: Marcelo Roza
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

AVISO - Pancadas de chuva forte para Teresópolis e região serrana do Rio - ​ESTADO DE ATENÇÃO (CPTEC/INPE)

TERESOPOLIS
Prezados, segue abaixo aviso do CPTEC/INPE sobre pancadas de chuva localmente forte em alguns pontos, entre eles, Região Serrana.

Att,

Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Teresópolis 
(21) 3641-5507

​ESTADO DE ATENÇÃO (CPTEC/INPE) 

Publicado: 20/1/2016 

PANCADAS DE CHUVA LOCALMENTE FORTE EM PARTE DO BRASIL
Nesta quarta-feira (20/01) ocorrerão pancadas de chuva localmente fortes, as quais localmente poderão gerar acumulados expressivos de precipitação, podendo inclusive, vir acompanhadas de trovoadas e rajadas de vento no RJ (microrregiões: Região Serrana, região do lagos e norte Fluminense), grande parte de MG (menor chance no Triangulo, Sul, campo das Vertentes e Zona da Mata), grande parte de GO (menor chance no Sudoeste, Goiânia e Sul Goiano), MT (microrregião: Norte Matogrossense), BA (microrregiões: Oeste e São Francisco), sul do PI e do MA, grande parte de TO (menor chance no Centro-Oeste, Palmas e Sul), sudeste e sudoeste do PA, oeste, extremo sudeste, e sudoeste do AM. 

Em situações de risco consulte a Defesa Civil.

Defesa Civil 199

NOTA: vacinas em Teresópolis RJ

TERESOPOLIS
A Coordenação de Imunização/Secretaria Municipal de Saúde informa que, de acordo com nota técnica da Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações/Ministério da Saúde, desde 2015 vem ocorrendo uma diminuição no abastecimento e, até mesmo, desabastecimento da vacina Dupla Adulto – dT (contra difteria e tétano) no Município devido à indisponibilidade de estoque a nível nacional.

Cerca de 20 milhões de doses chegaram ao País no mês de novembro de 2015. Entretanto, só começaram a ser distribuídas aos estados depois de desembaraço alfandegário, liberação de termo de guardo pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e posterior análise pelo INCQS (Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde).

Até o momento, o Município ainda dispõe da vacina Dupla Adulto (dT) em suas unidades de pronto atendimento (Hospital das Clínicas, Hospital São José, Serviço de Pronto Atendimento Dr. Eitel Abdallah e Serviço de Pronto Atendimento de Bonsucesso) para vacinação de acidentados sem esquema vacinal.

O mesmo vem acontecendo com a vacina Antirrábica, que passa por análise do INCQS para posteriormente ser enviada aos municípios. 

A Coordenação de Imunização/Secretaria Municipal de Saúde informa que Teresópolis encontra-se no aguardo de liberação dessas vacinas.

Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Teresópolis 
(21) 3641-5507

Coreto Central é reformado através de parceria entre Prefeitura de Teresópolis e Hotel Le Canton

Coreto Central é reformado através de parceria entre Prefeitura e Hotel Le Canton
Parceria entre Prefeitura e setor privado rende melhorias para a Feirinha do Alto

Teresópolis, 18 de janeiro de 2016 – A parceria entre a Prefeitura e a iniciativa privada está rendendo bons frutos para o município. Uma das propostas, firmada legalmente através de Termo de Uso assinado entre a gestão de Márcio Catão e o Hotel Le Canton, começou a ser concretizada com as melhorias que estão sendo promovidas na Feirinha do Alto. Entre as ações, a reforma do coreto central e a pintura externa do prédio onde fica a Praça de Alimentação.

A empresa se comprometeu também em realizar a reforma dos cinco banheiros públicos da Feirinha, com previsão de início para os próximos dias. Em contrapartida, a Prefeitura cedeu, pelo prazo de um ano, espaço no local para divulgação de produtos e serviços oferecidos pelo hotel.

Um dos principais pontos de lazer para turistas e moradores, a Feirinha do Alto possui cerca de 600 estandes e Praça de Alimentação. O atrativo funciona sábado, domingo e feriados prolongados, das 10h às 19h, com opções variadas de moda, artesanato e de gastronomia.

Fotos: Divulgação
Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Engenharia de Produção é área profissional que não conhece crise

Professora Vivian Telles Paim, coordenadora dos cursos de Engenharia de Produção e de Engenharia Ambiental e Sanitária do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO)
Engenharia de Produção é área profissional que não conhece crise

Entre os principais setores da economia de Teresópolis estão a indústria de bebidas, confecções, agronegócio e a prestação de serviços. Para algumas atividades mais sofisticadas e que requerem profissionais com formação específica, o curso de Engenharia de Produção qualifica profissionais que irão atuar em áreas como engenharia de operações e processo da produção, logística, pesquisa operacional, qualidade, engenharia de produto, engenharia econômica e do trabalho.

“O mercado de trabalho para o engenheiro é amplo e valorizado. O profissional, por ter em seu perfil a aptidão para atuar em sistemas produtivos diversos é bastante requisitado por indústrias de pequeno e grande porte, empresas de telefonia, construção civil ou em serviços públicos. A média salarial para um iniciante é de R$ 6.000,00”, destaca a professora Vivian Telles Paim, coordenadora dos cursos de Engenharia de Produção e de Engenharia Ambiental e Sanitária do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO).

O UNIFESO disponibiliza toda a infraestrutura necessária para um curso de qualidade em Engenharia de Produção. Corpo docente constituído por profissionais altamente qualificados e experientes, ampla e atualizada biblioteca, laboratórios de física, química, informática, fenômenos de transporte, projetos e prototipagem, automação da produção, metrologia e sala de pranchetas, além das atividades que demandam softwares específicos voltados para a Engenharia de Produção.

“O curso de Engenharia de Produção do UNIFESO tem como enfoque formar um profissional com capacitação técnica para atuar nas áreas de produção e serviços que possa intervir eficientemente na concepção, escolha, fabricação, otimização e exploração de sistemas produtivos diversos, considerando elementos humanos, tecnológicos, econômicos e políticos”, explica a professora Vivian Telles Paim.

FESO lança programa de bolsas de estudo reembolsáveis

A Fundação Educacional Serra dos Órgãos (FESO), mantenedora do UNIFESO, está lançando para o primeiro semestre de 2016 o ProEnsino, um programa de bolsas de estudo reembolsáveis que o estudante contrata na medida de sua necessidade, sem juros.

O ProEnsino será oferecido periodicamente em edital para os cursos de graduação do UNIFESO e pode ser contratado pelo estudante desde que atendidas as normas do programa. O contrato pode ser feito no valor de 10% até no máximo de 50% da mensalidade.

Quando termina o período do contrato o estudante começa a pagar o mesmo percentual contratado, e pelo mesmo período, sobre o valor da mensalidade vigente na ocasião. O ProEnsino não tem amortização durante o período do contrato nem juros quando da restituição: o valor devido é apenas atualizado pela mensalidade em vigor no momento do pagamento. Também não há envolvimento de instituição financeira ou intermediário, o contrato é feito diretamente pelo estudante com a FESO.

Para demonstrar as vantagens do programa, na página do ProEnsino no site do UNIFESO foi disponibilizado um simulador em que o estudante informa a mensalidade de seu curso e o percentual que deseja contratar do programa, e recebe não só uma projeção dos valores da restituição mas também de quanto custaria o mesmo contrato em agente financeiro, o que inclui a cobrança de juros e outras taxas que o ProEnsino não tem. O edital para o primeiro semestre de 2016 bem como o regulamento do programa e outras informações para a contratação já estão disponíveis no site do Centro Universitário.

Vestibular de Verão ainda tem vagas

O Vestibular Agendado do UNIFESO está com inscrições abertas. Informe-se:

Vestibular e acesso pelo ENEM: (21) 2641-7006 ou <vestibular@unifeso.edu.br>

PROENSINO E FIES: (21) 2641-7118 e <beneficios@unifeso.edu.br>

PROUNI: (21) 2641-7144 e <gsecd.prouni@feso.edu.br>

Todos os editais e outras informações estão disponíveis em www.unifeso.edu.br

Fonte:GECOM - Jornalismo UNIFESO

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

ANTT autoriza construção de passagem subterrânea em frente ao condomínio Ermitage, em Teresópolis

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Rio de Janeiro, 18 de janeiro de 2016
Núcleo de Imprensa

ANTT autoriza construção de passagem subterrânea em frente ao condomínio Ermitage, em Teresópolis

Obra é fundamental para que unidades habitacionais possam ser entregues a desabrigados das chuvas

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou nesta segunda-feira (18/1) no Diário Oficial da União a autorização para a construção da passagem subterrânea para pedestres na BR 116, em frente ao condomínio Ermitage, em Teresópolis. A construção, sob responsabilidade da Secretaria de Estado de Obras (Seobras), é uma das obras de infraestrutura que permitirá a entrega das 1.600 unidades habitacionais para desabrigados das chuvas na região. A empresa vencedora da licitação já tem contrato assinado com a Seobras e aguardava somente a autorização para dar início as obras.

A próxima etapa será a assinatura de um contrato de permissão de uso da via com a CRT, concessionária que administra a rodovia, o que deve acontecer nos próximos dias. A previsão é de que as obras comecem no início de fevereiro com prazo de conclusão de 90 dias.

Fonte:Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Atualização Mudanças Itinerários Linhas Ônibus em Teresópolis

Em virtude das chuvas, algumas linhas da Viação Dedo de Deus ainda operam com mudança de itinerário e com restrições.
Abaixo, seguem as atualizações:

P06A/P07A/P09A
Fazendo ponto final na Igreja Católica (Praça na entrada da Granja Florestal).

P98A /52A
Serviço temporariamente suspenso.

P01A/P08A/P11A
Indo somente até a escola de Campo Grande.

10A/12A/12B/13A/49A
Parando próximo à Associação de Moradores do bairro Jd. Pimenteiras.

32A
Indo somente até o fim do asfalto em Andradas.

33A/55A
Apenas 01 veículo atendendo as duas linhas: 
- Santa Rita: Indo somente até a Escola da Fazenda Alpina
- Arrieiro: Indo somente até a Porteira

43A
Serviço temporariamente suspenso.

47A/47B
As viagens para Sebastiana não estão indo até a Fábrica D'água.

97D 
Parando no ponto final do Caleme e não sobe a rua dos Canários.

Att.Viação Dedo de Deus
Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Prefeito Márcio Catão acompanha situação do Município de Teresópolis no Centro de Comando da Defesa Civil

Prefeito Márcio Catão com os secretários de Defesa Civil, coronel Roberto Silva, e de Governo, Alex Castellar, em área da Subestação da Cedae, em Providência, interior do Município: toda Prefeitura está mobilizada para melhor atender a população
Prefeito Márcio Catão acompanha situação do Município de Teresópolis no Centro de Comando da Defesa Civil

Teresópolis, 17 de janeiro de 2016 – Nesta segunda-feira, dia 18, o prefeito Márcio Catão estará no Centro de Comando e Controle da Defesa Civil, na Ermitage, acompanhando a situação de Teresópolis após as chuvas que vêm atingindo a região nos últimos dias. Desde as primeiras horas deste sábado, 16, Catão vem percorrendo a cidade e o interior do Município, coordenando as ações das equipes da Prefeitura no atendimento à população.

“Apesar do volume de chuva e de várias ocorrências registradas, as equipes da Defesa Civil e de várias secretarias envolvidas conseguiram dar pronto atendimento à população. A situação no momento é mais calma, mas todos os secretários e suas equipes estão de sobreaviso para entrarem em ação, caso haja necessidade”, pontua o prefeito.

Catão lembra que informações relacionadas à chuva podem ser acompanhadas em tempo real pelo aplicativo AlertasDCT, lançado em novembro de 2015 pela Secretaria Municipal de Defesa Civil.

Por meio do AlertasDCT é possível acompanhar, através de smartphone, a previsão do tempo, avisos e alertas especiais, bem como os pluviômetros de sua região e o radar meteorológico. A proposta é manter a população atualizada, com informações oficiais.

Nos aparelhos que utilizam as plataformas Android é necessário que o usuário vá até a guia ‘Configurações’ e, em ‘Segurança’, marcar a opção ‘Fontes Desconhecidas’. Para acessar o aplicativo, basta clicar no link http://galeria.fabricadeaplicativos.com.br/alertasdct e seguir o passo-a-passo indicado no smartphone.

Além disso, a partir da próxima semana, o aplicativo estará disponível para download no Google Play. De acordo com balanço da Defesa Civil Municipal, até o momento 3.280 pessoas baixaram o aplicativo, que já teve 5.785 acessos. O órgão ressalta que no aplicativo há o link ‘Você Informa’, no qual os usuários podem enviar informações sobre ocorrências em seus bairros.

A Secretaria Municipal de Defesa Civil dá continuidade às vistorias técnicas e avaliações de risco por conta das últimas chuvas. O trabalho é auxiliado por dois técnicos do DRM-RJ (Departamento de Recursos Minerais - Serviço Geológico do Estado do Rio de Janeiro).

Equipes da Prefeitura continuam percorrendo as áreas afetadas para levantamento de danos e prejuízos e avaliando a situação de Teresópolis, que permanece em estado de alerta.

Todas as ações de vistoria e avaliação de risco cabem à Defesa Civil, que pode ser acionada pelo telefone de emergência 199. Já o socorro fica por conta do Corpo de Bombeiros, cujo contato é feito pelo telefone de plantão 193.

Foto – AscomPMT
Fonte- Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Bancos do Rio terão que armazenar imagens de câmeras de segurança por dois anos

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Núcleo de Imprensa

Bancos terão que armazenar imagens de câmeras de segurança por dois anos

O governador Luiz Fernando Pezão sancionou, nesta sexta-feira (15/1), a alteração da Lei 3.162, de 30 de dezembro de 1998. A partir de hoje, os estabelecimentos bancários do estado do Rio de Janeiro terão que armazenar as imagens de suas câmeras de segurança por, no mínimo, dois anos. A lei original não estabelecia período obrigatório para o arquivamento.

As imagens vão poder ser requisitadas por juízes, Ministério Público e por autoridade policial, para atender aos procedimentos processuais ou para a apuração das infrações penais.

Fonte:Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Governo do Rio amplia de dois para três anos prazo de isenção de vistoria para carro zero quilômetro

Governo amplia de dois para três anos prazo de isenção de vistoria para carro zero quilômetro

O governador Luiz Fernando Pezão anunciou a extensão de dois para três anos do prazo de isenção de vistoria para os automóveis de passeio zero quilômetro. A partir de agora, os veículos novos, particulares, com capacidade para até cinco passageiros não precisarão passar pelo procedimento nos três anos seguintes ao de sua aquisição. 

- Essa era uma demanda da população, pois com o avanço da tecnologia, o desgaste do carro realmente não compromete as condições mínimas de segurança. Era também uma promessa minha de campanha, para aliviar o bolso de muita gente. Quem comprou carro em 2013, por exemplo, só precisará fazer a vistoria em 2017 - afirmou o governador.

A medida vale para carros com notas fiscais emitidas a partir de 2013, que, com a novidade, só precisarão fazer a vistoria em 2017. Quanto aos veículos nas mesmas condições adquiridos em 2014, 2015 e 2016, só serão submetidos à vistoria, respectivamente, em 2018, 2019 e 2020. São cerca de 210 mil que serão dispensados do pagamento da taxa de licenciamento anual, além dos 405 mil que já seriam beneficiados pela regra anterior, que concedia isenção de dois anos. A taxa está atualmente fixada em R$ 126,97.

A dispensa da vistoria não elimina a exigência de emissão anual do documento de licenciamento. Todos os proprietários devem agendar o serviço pelos telefones do Detran (Região Metropolitana 3460-4040 / 3460-4041 e Interior no 0800-0204040) ou site (www.detran.rj.gov.br). O documento de licenciamento do carro poderá ser obtido em uma das 80 unidades listadas abaixo. Nenhuma delas é posto de vistoria.

A isenção da vistoria não incide sobre os veículos que passarem por mudança de domicílio ou residência, transferência de propriedade, alteração de características e mudança de categoria. Nestes casos, é obrigatória a expedição de novo Certificado de Registro de Veículo (CRV) e o pagamento da taxa de vistoria.

O mesmo procedimento permanecerá obrigatório para os veículos que pertencem à frota de uso intensivo, tais como ônibus, micro-ônibus, caminhões, veículos do ciclo diesel e automóveis, caminhonetes, camionetas, motos e utilitários cuja categoria seja aluguel. No mesmo caso estão ainda os automóveis, caminhonetes, camionetas e utilitários com capacidade superior a cinco passageiros, cuja categoria seja particular.

A LISTA DE ENDEREÇOS PARA BUSCAR O CRLV

Os clientes podem buscar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) no edifício-sede do Detran (Av. Presidente Vargas, 817 - ACESSO 7) e em 80 unidades de atendimento, sendo 28 na Região Metropolitana e 52 no interior.

Região Serrana 

TERESÓPOLIS (9ª Ciretran)-Rua Josepha Jorge Cupelo, nº 390 – Bairro de Fátima
PETRÓPOLIS (5ª Ciretran)-Av. D. Pedro l, nº 226 – Centro
NOVA FRIBURGO (3ª Ciretran)-Av. dos Ferroviários, s/nº


ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO DETRAN
2332-0342 / 2332-0346 / 2332-0349 / 2332-0345

Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

domingo, 10 de janeiro de 2016

​​IPTU 2016: carnês começam a ser entregues segunda-feira, dia 11, na Prefeitura de Teresópolis

​​IPTU 2016: carnês começam a ser entregues segunda-feira, dia 11, na Prefeitura de Teresópolis
​​IPTU 2016: carnês começam a ser entregues segunda-feira, dia 11, na Prefeitura

Atendimento ao público será realizado das 10h às 18h.

Cota única paga até 31 de janeiro garante desconto de até 20%

Teresópolis, 8 de janeiro de 2016 – A Secretaria Municipal de Fazenda dá início nesta segunda-feira, dia 11, à entrega dos carnês do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) de 2016, que poderão ser retirados no balcão montado no 1º piso da Prefeitura (Av. Feliciano Sodré, 675, Várzea), das 10h às 18h. Já a distribuição em condomínios e edifícios residenciais da área urbana da cidade começou nesta sexta, dia 8. Cerca de 40 funcionários estão nas ruas realizando este trabalho, que oferece mais comodidade aos contribuintes. Dos mais de 50 mil boletos impressos, parte é distribuída pelos correios, via mala direta, outra é entregue em domicílio e o restante fica à disposição, na Prefeitura.

Não houve aumento real no IPTU, apenas atualização de valores. O percentual de 9,49% corresponde à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre os meses de setembro de 2014 a setembro de 2015.

E para facilitar a vida do contribuinte, desde o dia 1º de janeiro a Prefeitura disponibiliza em seu site, no endereço www.teresopolis.rj.gov.br, o boleto para quitação da cota única do IPTU. Para acessar, basta entrar no endereço mencionado, localizar o banner ‘IPTU 2016’ e clicar na opção clique aqui.

Para a emissão da guia, o contribuinte deve preencher preferencialmente o campo com o número do CPF do titular do imposto. Outra opção é inserir o código do imóvel, número que pode ser obtido no carnê do IPTU do ano passado, no lado direito da página do espelho do boleto de cadastro imobiliário.

Descontos para cota única

Existem três faixas de desconto para quem quitar o imposto em cota única: de 20%, 15% e 10%. O proprietário que está em dia com os exercícios anteriores, e que decidir pagar o IPTU em cota única até o dia 31 de janeiro, garantirá desconto especial de 20%. Para quem possui débito, o desconto cai para 15% no caso de cota única quitada até o dia 31. Já quem preferir pagar o imposto à vista até o dia 29 de fevereiro terá redução de 10%.

O IPTU 2016 poderá ser pago nas agências bancárias e nas casas lotéricas da cidade ou nos caixas da Secretaria de Fazenda – no prédio da Prefeitura.

Informações podem ser obtidas no setor de Tributos Imobiliários da Secretaria de Fazenda pelo telefone (21) 2742-3352, ramal 219, de segunda a sexta, das 10h às 18h, ou pelo e-mail da Dívida Ativa: dividaativa@teresopolis.rj.gov.br.

Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis