Pesquisar este blog

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Semana Municipal de Educação para o Trânsito em Teresópolis confirmada para outubro


Evento tem o objetivo conscientizar motoristas e pedestres sobre cuidados no trânsito

Teresópolis, 31 de agosto de 2011 – A Secretaria de Segurança Pública de Teresópolis realizará, de 24 a 28 de outubro, a Semana Municipal de Educação para o Trânsito. Na manhã desta terça-feira, dia 31, o Subsecretário Wagner da Rocha Branco se reuniu com representantes da Polícia Rodoviária Federal, da Concessionária Rio-Teresópolis (CRT), do Sindicato dos Taxistas, da Guarda Municipal, da Viação Dedo de Deus, do Unifeso, do DETRAN e da Polícia Militar para apresentar ao grupo um esboço de como será o trabalho. 

Para o Subsecretário, a Semana Municipal de Educação para o Trânsito tem a missão de conscientizar a população sobre os cuidados ao se utilizar as vias públicas. “Acreditamos que a educação e a divulgação são elementos fundamentais para que se reduza o número de ocorrências no trânsito. Nessa semana, os órgãos de segurança pública terão a oportunidade de realizar um trabalho de conscientização com motoristas e pedestres”, disse.

Nos dias 24, 25 e 26 de outubro, o evento acontecerá no Ginásio Pedrão e terá como público-alvo as crianças e jovens das escolas públicas e particulares de Teresópolis. Já no dia 27, motoboys e taxistas terão uma palestra exclusiva sobre normas de trânsito, no Teatro Municipal. Para o último dia da semana, 28, a proposta é a realização de uma aula magna com todos os órgãos, estimulando um debate entre os participantes.

“Queremos sensibilizar os comerciantes a fim de que inscrevam seus motoboys para o encontro do dia 27. Na aula magna do dia 28 queremos promover um debate entre os órgãos de segurança e os alunos do Unifeso, pois eles fazem parte da faixa etária com maior índice de envolvimento em acidentes de trânsito, que vai dos 20 aos 35 anos”, explicou o Guarda Municipal Michel Sant’anna, coordenador da Semana de Educação para o Trânsito.

Tendo como foco a questão comportamental, a Semana contará também com a “Carreata pela Vida”, uma campanha de choque, com um automóvel simulando um acidente, seguido pelas viaturas dos órgãos de segurança do município.

Depois da reunião de trabalho desta terça, o próximo passo será a montagem do cronograma de atividades e a confirmação das entidades de segurança que participarão do evento.

Texto: Fabiana Fuchs
Foto: Ramon Pózes
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Prefeitura e Governo do Estado recuperam áreas danificadas pelas chuvas de janeiro, no interior de Teresópolis


Prefeitura e Governo do Estado recuperam áreas
danificadas pelas chuvas de janeiro, no interior

Mais de 90% dos agricultores já estão produzindo normalmente 

Teresópolis, 31 de agosto de 2011 – A Prefeitura de Teresópolis, em parceria com o Governo do Estado, vem realizando, no interior do município, inúmeras ações de recuperação nas áreas atingidas pelas fortes chuvas de janeiro. Bonsucesso, Vieira, Sebastiana e Vale Alpino, entre outras localidades no 3° Distrito, são algumas das regiões que receberam ajuda e incentivo do Governo Estadual para a retomada da atividade agrícola. Resultado desta atuação conjunta é que 98% dos agricultores voltaram a produzir normalmente.

O Secretário de Agricultura de Teresópolis, José Mariano da Cunha Ferreira, o Zezinho, reconhece que sem o auxílio do Estado, com homens e máquinas, através da Emater-RJ, para ajudar na recuperação das áreas afetadas, ficaria inviável para a Prefeitura reparar todos os danos. “Precisamos agradecer ao Governador Sérgio Cabral, que se sensibilizou com a situação do Município, bem como ao Secretário Estadual de Agricultura, Christino Áureo, e ao Engenheiro da Emater, Emerson Landgraf, por se empenharem pessoalmente neste processo de reconstrução da zona rural”, declarou Zezinho, acrescentando que, graças a essa parceria, a maioria dos produtores rurais já está produzindo normalmente.

Christino Áureo, Secretário de Agricultura do Estado e Deputado Estadual licenciado, vem oferecendo todo auxílio necessário aos agricultores de Teresópolis que perderam totalmente ou parte de suas lavouras, inclusive com fornecimento de implementos agrícolas. O Engenheiro Agrônomo da Emater-RJ, responsável pelas atuações na Região Serrana, Emerson Landgraf, opera diariamente nas áreas danificadas, coordenando os trabalhos. “Estamos trabalhando intensamente nessas áreas, recuperando o solo e devolvendo a capacidade de produzir outra vez”, disse Emerson.

Áreas recuperadas
Em Bonsucesso, pequenos produtores, principalmente das localidades de Estrelinha e Lúcios, foram beneficiados pelo programa “Agricultura Emergência”. Em Vieira, nas comunidades de Serra do Palmital, Calado e Imperial, as ações mais importantes foram a reabertura dos acessos, possibilitando o escoamento da produção agrícola, e a remoção de pedras para recuperar áreas de lavoura. A Estrada de Boa Vida, que liga Bonsucesso a Vieira, também está totalmente recuperada pela Emater-RJ. Além dessas regiões, Sebastiana e Vale Alpino também foram atendidas pelo programa emergencial de recuperação.

Serviços realizados
Retirada de barreiras, limpeza das estradas com máquinas, recuperação de vias públicas, irrigação e compactação do solo são alguns dos serviços realizados. De acordo com o engenheiro Emerson Landgraf, todas as principais vias dessas localidades do 3º Distrito foram atendidas. Nas áreas de produção, houve retirada de barreiras, limpeza de terrenos, remoção de pedras, terraplanagem, limpeza de poços de irrigação que sofreram assoreamento e preparo do solo com trator agrícola.

Produtores beneficiados
Morador da localidade de Estrelinha, em Bonsucesso, o produtor rural Marcelo Gallo valorizou a atuação dos governos municipal e estadual na sua propriedade. “Foi tudo devastado pelas águas. Se não fosse a ajuda da Prefeitura e do Estado eu não conseguiria me reerguer. Os prejuízos foram grandes e só com máquinas de grande porte poderia ser feito o que precisava”, declarou. Em Vieira, para o lavrador Ismael Simpliciano, 61 anos de idade e há 40 na lavoura, a principal ajuda foi a desobstrução dos acessos. “Aqui nas minhas terras caiu tanta barreira que ninguém conseguia passar. Foi graças ao trabalho das máquinas que a Prefeitura trouxe que hoje está tudo limpinho assim”, afirmou. Para o diretor do Hotel São Moritz, Nauro Grehs, integrante do Comitê de Reconstrução de Vieira, o trabalho de recuperação das áreas afetadas devolveu fôlego aos agricultores. “A atuação da Emater foi essencial para que os agricultores voltassem a produzir plenamente”, concluiu.

  
Texto: Gisele Barreto
Fotos: Marco Esteves
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Secretaria de Educação de Teresópolis realiza Noite de Talentos da EJA

Secretaria de Educação realiza Noite de Talentos da EJA

Teresópolis, 31 de agosto de 2011 - Visando promover a integração entre alunos, corpo docente e comunidade, a Prefeitura de Teresópolis, através da Secretaria Municipal de Educação, realizou as Noites de Talentos da EJA (Educação de Jovens e Adultos) na noite do último sábado, 27, no Teatro Municipal e na Escola Municipal Maçom Lino Oroña. O encontro, que estimula o interesse pela arte, valoriza e incentiva os talentos dos alunos, contou com a participação expressiva de professores, funcionários, equipes diretivas, estudantes e familiares

Apoiando e estimulando a proposta pedagógica apresentada pela EJA, a Secretária Municipal de Educação, professora Neli Pampillón, comemorou esses eventos que, segundo ela, permitem aos alunos demonstrar sua capacidade artística através do canto, da dança e do teatro, valorizando a criatividade e o poder de superação desses estudantes. “São eventos maravilhosos, que estimulam o interesse dos alunos da EJA pela arte, além de valorizar e incentivar seus talentos”, declarou a Secretária, lembrando seus 25 anos de trabalho com a Educação de Jovens e Adultos.

As Noites de Talentos da EJA foram realizadas no Teatro Municipal com alunos do Centro Educacional Beatriz Silva e Centro Educacional Roger Malhardes, enquanto a Escola Municipal Maçom Lino Oroña recebeu os talentos da Escola Municipal Belkis Frony Morgado e os de seus próprios alunos. Entre atividades de dança, música, teatro, poemas, cordel, repente e vídeos, o Grêmio Musical Paquequer também fez uma apresentação especial na E.M. Lino Oroña. “Estou gostando muito de participar com meus amigos e conhecer os alunos da Escola Belkis, todos estão ansiosos para se apresentar”, disse a aluna Luzia Temente, da V Etapa, durante a apresentação do Grêmio.

Para a professora Valéria de Oliveira, o aluno da EJA se supera nestes momentos e isso reforça sua auto-estima e sua vontade de permanecer na escola. “Vimos uma demonstração da vontade e determinação de um grupo de alegres estudantes na procura da luz do conhecimento. Eles almejam nesta jornada uma nova oportunidade de vida. Talentos a partir daqui, hão de surgir. Para frente e para o alto”, anunciou a professora da E.M. Maçom Lino Oroña.

Segundo a Coordenadora da Educação de Jovens e Adultos no município, professora Ana Paula Coutinho, o sucesso dos eventos se deve, principalmente, à vontade dos alunos e à integração das equipes de todos os pólos da EJA. “A Noite de Talentos proporcionou mais um belo momento para toda a Equipe EJA, com uma perfeita integração entre alunos e professores. Fomos presenteados com emocionantes apresentações de música, dança, teatro e poesias. Eventos como esse são muito importantes para a socialização e o aumento da autoestima dos estudantes. A parceria entre os Pólos também foi fundamental para o sucesso da Noite”, comemorou Ana Paula.

Texto: Marcelo Ferreira
Fotos: Divulgação EJA
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Sinal digital da Record deve chegar a Teresópolis em 2012


Sinal digital da Record deve chegar a Teresópolis em 2012

Emissora estuda melhor canal para implantar o sistema no município

Teresópolis, 31 de agosto de 2011 – O Gerente de Expansão e Rota da Rede Record, Miguel Rocha, esteve em Teresópolis nesta quarta-feira, 31 de agosto, para uma reunião com o Subsecretário de Ciência e Tecnologia, Wilson Tadeu Vianna, e o secretário-executivo da pasta, Marcelo Vieira. O encontro teve como pauta a instalação do sinal digital da emissora no município. A empresa estuda a melhor forma de enviar o sinal para a cidade e a expectativa é que o sistema esteja funcionando a partir de 2012.

De acordo com Miguel Rocha, a Record já está realizando internamente a troca do sinal analógico pelo digital, mas a conversão externa depende de diversos fatores, como a topografia das cidades, compra de equipamentos e autorizações da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

“A instalação da tecnologia digital é um assunto que deve ser tratado conforme as características de cada Estado, cada município. Em todo o Estado do Rio, há muitas montanhas e isso dificulta a transmissão do sinal. Mas, a TV estuda a melhor possibilidade de trazer o sistema para Teresópolis. Além disso, há o custo dos equipamentos, em sua maioria importados, e as autorizações perante o Ministério das Comunicações. Neste quesito, vamos precisar da articulação política da Prefeitura”, explicou o engenheiro.

Wilson Tadeu Vianna ressaltou que o Secretário de Ciência e Tecnologia, Luiz Ribeiro, já trabalha para que as autorizações sejam concedidas. “Estamos em contato permanente com a Anatel para nos interarmos sobre os trâmites legais para a concessão das autorizações. A Prefeitura ajudará no que for necessário para que o sinal digital voltado para canais abertos de TV chegue a Teresópolis o mais breve possível”, frisou Tadeu.

Segundo o Gerente de Expansão e Rota da Record, a intenção da empresa é instalar em Teresópolis um equipamento que continue a gerar o sinal analógico e inicie a transmissão digital da TV Record, canal aberto, e Record News, canal fechado. “A nossa expectativa é de que, dentro de seis meses, tenhamos terminado os estudos de viabilidade do projeto para, a partir daí, iniciarmos a fase de implantação do sistema. A previsão é de que essa tecnologia chegue a Teresópolis no ano que vem”, afirmou Miguel Rocha.

TV Digital

O sistema digital é uma tecnologia de transmissão dos sinais de televisão, com melhoria na qualidade da imagem e do som. Através dessa inovação também é possível maior interatividade entre o telespectador e a emissora, ou seja, o consumidor pode ter acesso a informações sobre a programação e outros serviços oferecidos pelos canais de televisão.

No Brasil, a estreia da TV Digital ocorreu em dezembro de 2007 e o padrão escolhido pelo Governo Federal foi o japonês. Na prática, isso quer dizer que a TV digital no país é compatível com a tecnologia atualmente utilizada no Japão. As transmissões começaram por São Paulo e devem ser estendidas para o resto do país progressivamente. O governo brasileiro espera que, até dezembro de 2016, o sinal digital substitua o analógico no país.

Texto: Mara Lúcia
Foto: Marco Esteves
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Equipes da Defesa Civil e de Obras e Serviços Públicos fazem vistorias no Parque do Imbuí-Teresópolis RJ


Arlei volta ao Parque do Imbuí e marca reunião mensal com moradores

Equipes da Defesa Civil e de Obras e Serviços Públicos fazem vistorias no bairro

Teresópolis, 31 de agosto de 2011 – Quinze dias depois da primeira visita ao bairro, o Prefeito Interino Arlei retornou ao Parque do Imbuí no final da tarde desta terça-feira, 30. Ele ouviu as principais demandas dos moradores e informou que, nos próximos dias, técnicos do Governo do Estado percorrerão o bairro a fim de fazer um levantamento das ações de reconstrução das áreas atingidas pelo temporal de 12 de janeiro. Colocando-se à disposição da comunidade, o Prefeito assegurou que fará reuniões regulares com os moradores, sempre na última sexta-feira do mês, às 18h, na Capela de São Francisco de Assis, localizada na Praça Poeta Olegário Mariano.
Prefeito Arlei (segundo à esquerda) com o Deputado Estadual Rogério Cabral e secretários de governo em reunião com moradores do Parque do Imbuí
“A Prefeitura fez apenas a limpeza e as ações emergenciais após o desastre natural de janeiro. Já para as obras estruturais buscamos a parceria dos governos Estadual e Federal. Inclusive, esta semana assinei um documento autorizando o Governo do Estado a receber as verbas repassadas ao município pela União, a fim de iniciar as obras de recuperação da cidade, como contenção de encostas e construção de pontes. Já as obras das casas populares, na Ermitage, terão início até novembro”, anunciou Arlei.

Acompanharam a reunião o Deputado Estadual Rogério Cabral, os Vereadores Mandinho e Paulinho Carvalho, os secretários municipais Roberto Silva (Meio Ambiente e Defesa Civil) e José Maria Rodrigues (Governo), os subsecretários Tião Correa (Obras e Serviços Públicos) e Jaime Medeiros (Meio Ambiente e Defesa Civil) e o Presidente da Associação das Vítimas das Chuvas de Teresópolis (Avit), Jorge Henrique Ramos de Mattos.
Equipe da Defesa Civil e moradores vistoriam queda de encosta na Estrada das Cacatuas
Durante o encontro, o Deputado Rogério Cabral disse que, como integrante da CPI da Região Serrana na Assembleia Legislativa, vem acompanhando a situação dos sete municípios atingidos pelas chuvas de janeiro. “Parabenizo a organização dos moradores do Parque do Imbuí. Este é o momento de todos apoiarem o Prefeito Arlei, para que ele possa trabalhar e resgatar a credibilidade do município”.

Morador há 33 anos no Parque do Imbuí, Hilton Machado enalteceu a visita de Arlei e equipe de governo ao bairro. “Pela primeira vez, após o temporal, representantes do Executivo Municipal vieram conversar conosco. A comunidade agradece e espera que os políticos tomem a nossa defesa”. Outro morador, Danilo Schinke, concordou. “O Prefeito Arlei teve a boa vontade de vir ao Parque do Imbuí, com seus secretários, para ouvir os moradores e ver os nossos problemas de perto”.

O Secretário de Meio Ambiente e Defesa Civil, Coronel Roberto Silva, informou que a Defesa Civil possui um mapeamento de todas as áreas atingidas pelo desastre natural de janeiro, e que mostra a real situação das comunidades afetadas. “A Prefeitura vem investindo na formação de agentes comunitários que vão auxiliar na divulgação das mensagens do Sistema de Alerta e Alarme que será instalado no município. Inicialmente, esse treinamento está sendo levado a dez comunidades. No Parque do Imbuí, a Prefeitura planeja a instalação de um núcleo comunitário de Defesa Civil”, anunciou. O objetivo é orientar e capacitar a comunidade para que, em caso de acidentes, os voluntários façam o primeiro atendimento até a chegada da Defesa Civil.

Vistorias no bairro
Antes da reunião, o Secretário de Meio Ambiente e Defesa Civil, Coronel Roberto Silva, e o Subsecretário de Obras e Serviços Públicos, Tião Correa, percorreram várias ruas do Parque do Imbuí, junto com moradores. Foram feitas novas vistorias dos principais problemas após o temporal de janeiro. Contenção de encostas, desobstrução e limpeza do Córrego do Imbuí, que corta o bairro, obras de drenagem e manilhamento e recuperação de vias públicas com recomposição de paralelos são as principais demandas. 
Trecho da Estrada da Gruta também aguarda obra de contenção de encosta por parte do Governo do Estado

Ao constatar que a Escola Isabel Rita da Veiga continua funcionando apenas no turno da manhã, o Prefeito Arlei determinou à Secretária de Educação, Neli Pampillón, que o problema seja resolvido imediatamente.

Atendendo ao pedido da moradora Vânia Borcardi, Arlei orientou que seja feita a recomposição de paralelos no entorno da Praça Poeta Olegário Mariano, para reduzir a poeira que obriga os moradores a manterem as suas casas sempre fechadas.
Trecho da Estrada Grande Circuito que cedeu aguarda intervenção do Governo do Estado

De acordo com levantamento da Defesa Civil, o Parque do Imbuí tem 46 casas com laudo de interdição permanente para avaliação da EMOP (Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro).

Texto: Silvia Pimentel
Fotos: Roberto Ferreira
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Jovem Dynardo Ribeiro Ramos relança livro de contos,neste sábado,em Teresópolis,na Casa de Cultura


Jovem Dynardo relança livro de contos neste sábado

Histórias de superação, cuidados e convivência familiar são os principais temas da obra

Teresópolis, 30 de agosto de 2011 – No próximo sábado, dia 03 de setembro, o jovem Dynardo Ribeiro Ramos relança seu primeiro livro, “Uma estrela de vida: contos que conto”, na Casa de Cultura Adolpho Bloch (Praça Jucelino Kubitscheck, s/nº - Bairro de Fátima), às 19 horas. A segunda edição do livro terá contos inéditos.

Os contos do autor são baseados em histórias vividas por ele mesmo, de superação, cuidados e convivência familiar, protagonizadas pelo herói Super Nardo. Um dos contos inéditos da nova edição remete à catástrofe natural que atingiu Teresópolis em janeiro deste ano.

O autor de 18 anos, que também é comentarista esportivo e está terminando o ensino fundamental no CEROM, autografará os livros dos convidados durante o lançamento. O jovem é portador de uma síndrome chamada mucopolissacaridose tipo 6, uma doença que lhe tirou a visão e comprometeu seu desenvolvimento físico.

A concretização do sonho de Dynardo, de escrever um livro aconteceu devido à parceria com André Luiz Rocha, tenente-coronel da reserva da Aeronáutica, que assina suas publicações como co-autor. O jovem lançou a primeira edição de “Uma estrela de vida: contos que conto” aos 15 anos. Aos 16, ele lançou “Sob o teto da cidade”.

Texto: Fabiana Fuchs
Imagem: Reprodução
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Prefeitura de Teresópolis firma parcerias e realiza oficinas de artesanato para mulheres


Prefeitura firma parcerias e realiza oficinas de artesanato para mulheres
Teresópolis, 30 de agosto de 2011 - Continuam abertas as inscrições para as oficinas gratuitas de artesanato, promovidas pela Secretaria Municipal dos Direitos da Mulher. A iniciativa é uma das ações de inserção das mulheres em programas de capacitação, visando o aumento da renda familiar. As oficinas de alfineteiro de joaninha e de colar de viés são realizadas em parceria com o Sesc Teresópolis, através do projeto Galpão das Artes. Já a oficina de ikebana é resultado da parceria com o Johrei/Igreja Messiânica Mundial. As atividades são gratuitas, sendo que as alunas devem levar o material de trabalho solicitado.

Outras atividades são oferecidas pela Secretaria dos Direitos da Mulher para o fortalecimento e resgate da cidadania feminina. Toda terça-feira tem sessão de arteterapia, às 14h. Nas quintas acontece sessão de massoterapia, das 13h às 17h40, e a partir das 16h, roda de conversa e terapia comunitária. Essas atividades são realizadas no CRAM – Centro de Referência de Atendimento à Mulher, instalado na sede da Secretaria (Rua Heitor de Moura Estevão, 279 – Várzea).

As inscrições para as oficinas de artesanato e sessões de massoterapia são feitas na Secretaria dos Direitos da Mulher ou pelo telefone 2643-4741, de segunda a sexta, das 9h às 17h. Já para participar da roda de conversa ou das aulas de arteterapia é necessário atendimento prévio no CRAM, que pode ser agendado pelo telefone 2643-4237.

Programação de oficinas em setembro
• Dia 5, segunda-feira, 14h: alfineteiro de joaninha (levar kit costura)
• Dia 15, quinta-feira, 14h: ikebana
• Dia 19, segunda-feira, 14h: colar de viés (levar kit costura)

Texto: Silvia Pimentel
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Cultura nos Bairros alegra tarde em Campo Limpo-Teresópolis RJ


Cultura nos Bairros alegra tarde em Campo Limpo

Teresópolis, 29 de agosto de 2011 - A comunidade de Campo Limpo, no Segundo Distrito, recebeu neste domingo, dia 28 de agosto, a visita do Cultura nos Bairros, projeto desenvolvido pela Prefeitura, através da Secretaria de Cultura. Tendo um lindo dia de sol e calor como aliado, a tarde de festa contou com inúmeras atrações, que fizeram a alegria da criançada e dos adultos também.


“Após um breve recesso por conta das férias escolares, estamos de volta com o Cultura nos Bairros. E o resultado não poderia ser melhor. O projeto segue de forma exitosa, levando arte e entretenimento por onde passa, possibilitando que as comunidades vivenciem uma tarde diferente, com muita alegria e cultura”, comemora o Secretário de Cultura, Ronaldo Fialho.

Realizadas na Escola Municipal Amélia dos Santos Ramos, as atividades agregaram valor à festa promovida pela própria escola, como culminância do projeto de estudo do folclore, realizado ao longo do mês de agosto. O evento contou com a participação de dezenas de estudantes, pais e amigos, além das crianças residentes em Três Córregos, alunos da Escola Nadir Veiga Castanheiras que, após a tragédia de 12 de janeiro, passaram a estudar em Campo Limpo.

As crianças da escola foram as primeiras a se apresentar. Os alunos do 4º e do 5º anos encenaram o esquete ‘O rapto da sereia’, com texto produzido por eles mesmos. Depois, foi a vez dos alunos do 2º e do 3º anos, que fizeram uma representação das lendas e tradições do folclore, apresentando personagens tradicionais do folclore brasileiro, como a Cuca, o Curupira, a sereia Iara e outros. As crianças do Pré-Escolar II optaram por interpretar a canção ‘Linda Rosa Juvenil’ e os alunos do 1º ano cantaram as lendas de Alecrim e Boi da Cara Preta.

Terminada esta etapa, tiveram início as atividades do Cultura nos Bairros. As professoras Andréa Sant’Anna e Patrícia Araújo divertiram a criançada com brincadeiras e músicas do cancioneiro popular infantil. Logo depois, os agentes culturais Thiago Hausen, Maura Ferreira, Cris Borges, Karine Biassi e Sérgio Morais encenaram o espetáculo de teatro de rua ‘João Fazendo’, que aborda a coleta seletiva e a reciclagem.

A tarde de festa teve ainda a participação do cantor Paulo Medeiros, interpretando sucessos do grupo Raça Negra, entre outras canções. O artista Ivo Malabares arrancou aplausos de adultos e crianças com sua exibição utilizando claves, pratos, bolas, etc. Representando a comunidade, a pequena Aira de Jesus Santos, aluna da Escola Estolino Peixoto, em Pessegueiros, encantou a todos com a música ‘Amar não é pecado’, de Luan Santana. Em seguida, o cantor de forró Fabricio Casimiro de Jesus, tio de Aira, deu uma canja, acompanhado por Marquinho. Outra representante da comunidade foi Milena Maciel Pimenta, que cantou músicas de repertório gospel da cantora Aline Barros.

Para a diretora da Escola Amélia dos Santos Ramos, professora Maria Helena Monteiro, o evento foi um sucesso. “A presença da equipe da Secretaria de Cultura engrandeceu em muito a nossa festa, não só pelas atividades culturais, mas pelo estímulo aos alunos. As nossas crianças têm vontade de fazer, de aprender. Mas, tudo aqui no interior é mais difícil. A Cultura trouxe um mundo colorido para as nossas crianças, mostrando vida, alegria e abrindo o horizonte dos alunos. O Cultura nos Bairros deixa claro que todos podem ter acesso à cultura. Só temos a agradecer”, comentou Maria Helena. A Escola Amélia dos Santos Ramos atende hoje a 108 alunos, do Pré-Escolar II ao 5º ano, divididos em dois turnos. O segundo turno foi praticamente criado este ano para atender aos estudantes da Escola Nadir Veiga.

Quem esteve presente, aprovou as atividades. “Soube que meu sobrinho ia se apresentar e vim. Adorei. Muito divertido”, comentou a lavradora Adriana de Lima. Rosinéia Chaves concordou. “Trouxe meu filho de quatro anos pra assistir e achei ótimo. Ele se divertiu muito. Brincou, dançou. Foi excelente”, comentou. Simone Maciel da Costa aproveitou as atividades para fazer um passeio diferente com os quatro filhos. “Não costuma ter muita coisa por aqui. Por isso, passar uma tarde assim é muito bom. Ainda mais num dia lindo desses. Foi muito legal”, elogiou.


O Cultura nos Bairros é desenvolvido pela Prefeitura de Teresópolis, através da Secretaria de Cultura, em parceria com a Secretaria de Educação, e conta com o patrocínio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Cultural dos Municípios do Estado do Rio de Janeiro (Padec). Lançado em 2009, o projeto tem como objetivo levar atrações artísticas e culturais às comunidades, em praça pública, principalmente nos bairros mais afastados do centro, sempre nas tardes de domingo. Mais de 30 comunidades já foram visitadas ao longo de dois anos pelo projeto, que tem coordenação do professor Ayrton Rebello, diretor da Casa de Cultura Adolpho Bloch.

Texto: Geórgia Jahara
Fotos: Cláudio Furtado
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis

Secretaria Municipal de Cultura

Primeira-dama Alessandra Rosa prestigia Caminhada da Melhor Idade em Teresópolis


Primeira-dama Alessandra Rosa prestigia Caminhada da Melhor Idade

A atividade reuniu cerca de 40 participantes

Teresópolis, 29 de agosto de 2011 - Aconteceu na manhã da última sexta feira, 26 de agosto, a tradicional Caminhada da Melhor Idade. A atividade, promovida pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Esportes e Lazer, percorreu o trajeto do Ginásio Pedrão, na Várzea, até a Praça Nilo Peçanha – a da Escola Municipal Ginda Bloch, no Alto. A caminhada reuniu cerca de 40 participantes, que mostraram ânimo e força de vontade durante a atividade, orientada pelo professor Luiz Gonzaga Lisardo.
Primeira Dama Alessandra Rosa prestigia caminhada com grupo da Melhor Idade
Para o professor Lisardo, a satisfação em trabalhar com a 3ª idade é enorme. “É muito importante realizar uma atividade como a Caminhada da Melhor Idade, porque desse jeito a população vê o que é oferecido pela Secretaria de Esportes e Lazer. Assim, promovemos na população o interesse pelas atividades que são oferecidas pela Secretaria”, analisou o professor. Ele disse ter ficado muito feliz com a escolha de Demerval Casemiro como Secretário de Esportes e Lazer, fato que ajudou a dar mais vitalidade aos projetos destinados à melhor idade. “Depois que o Demerval assumiu a Secretaria, percebemos uma preocupação maior com nossos velhinhos. Diversos projetos já estão sendo realizados para este público, como o Projeto Saúde”, afirmou o professor, se referindo ao projeto que promove a aferição de pressão arterial e medição de glicose antes das atividades físicas direcionadas à 3ª idade.
Secretário de Esportes, Demerval Casemiro acompanhou a Caminhada da Melhor Idade
Participando da caminhada, o subsecretário Alexandre Trindade explicou que uma cidade, para alcançar uma melhor qualidade de vida, precisa investir na prevenção através das atividades físicas. “É fundamental tratar a melhor idade com atenção. As cidades que buscam melhorar a qualidade de vida devem incentivar as atividades físicas. Prevenção é melhor que medicação”, garantiu.
Durante o intervalo, um grupo aproveitou para jogar peteca
Quem prestigiou a tradicional Caminhada da Melhor Idade se surpreendeu com a energia dos participantes. Acompanharam a atividade o Secretário de Esportes e Lazer, Demerval Casemiro, a Secretária de Desenvolvimento Social, Graça Granito, e a Primeira-dama, Alessandra Rosa, que ficou impressionada com a disposição mostrada pelos participantes. “Estou conhecendo os projetos direcionados à 3ª idade agora, mas já estou encantada. A prática de exercícios é extremamente saudável, por isso devemos incentivar sempre”, afirmou Alessandra.

A caminhada durou cerca de 2 horas, saindo do Ginásio Pedrão, indo até a Escola Ginda Bloch e retornando ao Pedrão. Chegando à Praça Nilo Peçanha, houve um intervalo para descanso, mas ninguém quis parar. Durante esse intervalo, um grupo aproveitou para jogar peteca.

Edna Maria Maciel, 75 anos, participa das atividades da Secretaria de Esportes e Lazer desde 2009. “O esporte me ajuda muito. Recomendo paras todos, não só para a 3ª idade”, disse. Outra participante que mostrou vitalidade e disposição durante a caminhada foi Dirce Mesquita Passos, de 68 anos. Ela coleciona 54 medalhas em diversas modalidades e promete não parar com os esportes. “Sempre que tem alguma atividade relacionada ao esporte, eu participo. Isso me faz muito bem. É vida e saúde”, enfatiza a esportista, que disse que esse ano ainda vai pular de pára-quedas.
Caminhada reuniu cerca de 40 participantes, que mostraram ânimo e força de vontade durante a atividade, orientada pelo professor Luiz Gonzaga Lisardo

Texto: Heliny Quintanilha
Fotos: Marco Esteves
Fonte:Assessoria de Comunicação de Teresópolis